Embaixada da Ucrânia diz que invasão põe em risco a ordem mundial

Em comunicado, embaixada diz que invasão é um ato de guerra

Em comunicado divulgado hoje (24), a Embaixada da Ucrânia no Brasil afirma que a invasão russa no país é um ato de guerra e tem como objetivo destruir o estado ucraniano, tomar o território à força e estabelecer o controle da ocupação.

A nota diz ainda que o conflito é um ataque à soberania e integridade territorial da Ucrânia, uma grave violação da Carta das Nações Unidas e das normas e princípios fundamentais do Direito Internacional.

“A Ucrânia apela à comunidade internacional para que aja imediatamente. Somente passos unidos e decisivos podem parar a agressão de Vladimir Putin contra a Ucrânia. Nossos parceiros devem ativar imediatamente um pacote de novas sanções. Apelamos também às capitais amigas, para que continuem fortalecendo as capacidades de defesa de nosso Estado, fornecendo armas e equipamentos militares. A nossa resposta conjunta depende agora não só da segurança dos cidadãos ucranianos, mas também da segurança dos cidadãos em toda a Europa e do futuro da ordem mundial”, diz a nota.

Leia outras notícias sobre a Guerra na Ucrânia

Informar Erro

Só falta você!

O PIRANOT se prepara para alcançar meio bilhão de acessos até o final de 2023. Queremos que você faça parte ainda mais da nossa história. Por isso, convidamos você para seguir nosso conteúdo no Google News e ajudar o portal de notícias a alcançar ainda mais espaço nacionalmente. Clique aqui e siga-nos

Leia também