Vans escolares se juntam ao protesto e congestionam trânsito de Piracicaba

Diversas vans escolares engrossaram o protesto dos caminhoneiros e saíram às ruas em Piracicaba, na manhã desta sexta-feira (25). A movimentação teve início por volta das 08 horas e foi ganhando força. Fotos podem ser conferidas ao fim desta reportagem.

“Nós nos juntamos aqui ao protesto dos caminhoneiros, contra o aumento do combustível, porque está realmente difícil de trabalhar. Com o diesel a R$ 4 reais, não dá para trabalhar certo, porque nossos veículos são todos movidos a diesel”, comentou um dos motoristas à imprensa. “A gente não está conseguindo pagar nossas despesas e não conseguiremos também repassar esse valor aos pais dos alunos, até porque eles também estão em condições complicadas financeiramente”.

Por volta das 10h28 desta sexta-feira (durante a redação desta reportagem), os motoristas estavam todos parados na Avenida Rui Barbosa, bairro da Vila Rezende, para que todos se agrupassem novamente. Com a alta quantidade de semáforos pela cidade, muitas vans escolares acabaram se separando.

Assim que todos se reunirem, o comboio seguirá até o Posto Shell, último posto de combustível antes da Rodovia Geraldo de Barros. De lá, eles seguirão juntos até o Posto Bigaton, onde as vans escolares irão se dispersar.

Os caminhões seguirão no local.

Trajeto

Cerca de 90 vans escolares saíram da Rodovia Geraldo de Barros (SP-304) e foram até a Avenida Barão de Serra Negra (Vila Rezende). Dali, eles desceram a Avenida Presidente Kennedy, fizeram a rotatória próximo à área de lazer, passaram diante da Prefeitura e novamente tomaram a Presidente Kennedy. A Rua do Porto também serviu de palco para a manifestação.

Como já dito, o protesto deverá acabar na Rodovia Geraldo de Barros.

Foto: Wagner Romano/PIRANOT

Foto: Wagner Romano/PIRANOT

Foto: Wagner Romano/PIRANOT

Foto: Wagner Romano/PIRANOT

Foto: Wagner Romano/PIRANOT

Foto: Wagner Romano/PIRANOT

Foto: Wagner Romano/PIRANOT

Foto: Wagner Romano/PIRANOT

Foto: Wagner Romano/PIRANOT

Foto: Wagner Romano/PIRANOT

Foto: Wagner Romano/PIRANOT

Mais PIRANOT e PORJUCA para você:

>>> Receba alertas de notícias na tela do seu celular. Instale o app do PIRANOT clicando aqui.
>>> Envie informações e reclamações do seu bairro/cidade. No grupo de interação do PIRANOT / PORJUCA você tem voz. Clique aqui e acesse.
>>> Continue lendo as notícias de Piracicaba acessando, diariamente, o www.piranot.com
>>> Leia o nosso conteúdo nacional acessando nosso novo projeto, o PORJUCA. O endereço é www.porjuca.com
>>> Assista aos vídeos das nossas reportagens no Youtube: clicando aqui.
>>> Nós estamos no Twitter. Clique aqui e nos siga! (@piranot_porjuca)

Por | 25/05/2018|

Em Piracicaba, Via Ágil reduzirá sua frota de ônibus em 30%

Em razão do protesto dos caminhoneiros, os postos de combustíveis de Piracicaba já começaram a anunciar falta de combustível nesta quinta-feira (24). Por conta disso, a Via Ágil também teve que pensar em como colocaria sua frota para circular.

A empresa informou em nota que está atenta à situação e que “tem estoque para trabalhar de forma reduzida até a próxima segunda-feira, dia 28”.

Segundo a empresa, sua frota de ônibus vai circular completa durante os horários de pico dos dias úteis — de segunda a sexta-feira, das 05h às 09h e das 15h às 19 horas. Nos demais horários, a frota será reduzida em 30%, exceto nas linhas que atendem distritos industriais, que permanecerão inalteradas.

“Ressaltamos que todas as regiões da cidade serão assistidas, porém com horários reduzidos”, comunicou em nota a Via Ágil. “Pedimos a colaboração de nossos passageiros e paciência neste momento delicado que o país está passando”.

Protesto

Ariovaldo Junior, diretor do Sindicam (Sindicato dos Transportadores Rodoviários Autônomos de Bens ou Transportadores Rodoviários de Cargas Geral), saiu de Ourinhos e veio até Piracicaba para conversar pessoalmente com os caminhoneiros.

Ele disse à imprensa que o protesto exige (1) redução do preço do diesel, (2) não cobrança de pedágios de eixos suspensos, (3) aprovação do piso do frete e (4) aprovação do marco regulatório para o transporte de cargas.

Ariovaldo comentou também que o protesto só vai acabar quando a situação for resolvida e as reivindicações atendidas.

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 24/05/2018|

Motociclista colide na traseira de veículo e se acidenta gravemente

Um grave acidente envolvendo carro e moto acaba de ser registrado em Piracicaba, nesta manhã de quinta-feira (24). O acidente ocorreu por volta das 11h45, no km 180 da estrada que liga o município a Charqueada.

Segundo informações passadas por testemunhas ao jornal PIRANOT, um motociclista de 31 anos trafegava com uma moto Honda Titan Fan (cor preta) pela referida estrada — sentido Piracicaba –, quando acidentalmente colidiu na traseira de veículo Ford Escort. Ainda não se sabe o que provocou o acidente, as causas serão apuradas.

Com a colisão, o motociclista bateu a cabeça contra o vidro traseiro do veículo e o quebrou.

Uma viatura do convênio São Francisco passava pelo local no momento do acidente e prestou os primeiros socorros. O motociclista sofreu uma fratura no braço direito, um trauma cranioencefálico e escoriações pelo rosto e pernas. Ele teve de ser socorrido ao Hospital dos Fornecedores de Cana (HFC).

Fotos

Foto: Wagner Romano/ PIRANOT

Foto: Wagner Romano/ PIRANOT

Foto: Wagner Romano/ PIRANOT

Foto: Wagner Romano/ PIRANOT

Foto: Wagner Romano/ PIRANOT

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 24/05/2018|

Diretor do sindicato dos caminhoneiros chega a Piracicaba

Na manhã desta quarta-feira (23), caminhoneiros começaram a congestionar o acostamento da Rodovia Geraldo de Barros (SP-304), em Piracicaba.

Ariovaldo Junior, diretor do Sindicam (Sindicato dos Transportadores Rodoviários Autônomos de Bens ou Transportadores Rodoviários de Cargas Geral), saiu de Ourinhos e veio até Piracicaba para conversar pessoalmente com os caminhoneiros. Segundo ele, o protesto exige a redução do preço do diesel, a não cobrança de pedágios de eixos suspensos, a aprovação do piso do frete e a aprovação do marco regulatório para o transporte de cargas.

“Deve ter aí [aderido ao protesto] em torno de 500 caminhoneiros”, comentou Ariovaldo. “Nós queremos a baixa do diesel e o valor do combustível sendo estipulado mensalmente como era antes. Com todo esse aumento diário, não há planilha que aguente! Antes de fazer uma viagem, o caminhoneiro planeja tudo. Ele sabe quantos pedágios vai pegar, ele sabe que terá um gasto X com o caminhão e sabe também quanto de dinheiro vai sobrar na mão dele. Então quando ele faz um cálculo levando em conta que o diesel está R$ 3 reais, mas, ao chegar no posto, encontra o diesel por R$ 4 reais, isso significa que ele saiu perdendo. Significa que o caminhoneiro está trabalhando de graça. Nós queremos acabar com isso”.

Ariovaldo disse também que o protesto só vai acabar quando a situação for resolvida e as reivindicações atendidas.

O capitão Vancim, da Polícia Rodoviária, disse que a Rodovia Geraldo de Barros conta com aproximadamente dois quilômetros de congestionamento. “Nós estamos com todo o nosso efetivo controlando a situação”, diz ele. “Nós vamos assegurar o direito à manifestação pacífica, mas também iremos manter a fluidez e a segurança do trânsito. Existe um confronto de direitos, pois os caminhoneiros têm direito à manifestação da mesma forma que o cidadão tem o direito de ir e vir. Então, nós estamos aqui para assegurar isso. Atuaremos dentro da legalidade e dentro da lei.”

Ainda nesta manhã, alguns caminhoneiros conversaram com a imprensa. “A transportadora pega o frete e eles repassam apenas 70% para a gente, 30% eles ganham em cima. Eles podiam pagar um pouco mais para nós, né?”, reivindicou o caminhoneiro Antônio César Grim. “E um dos maiores problemas é o eixo erguido… por exemplo, você paga eixo erguido e, quando volta vazio, paga eixo erguido de novo. Pra quê isso? Acho que não tem necessidade. Outra coisa: se eu pegar uma carga hoje, amanhã eu vou entregá-la e o diesel subiu. Mas eu não vou receber amanhã, eu já recebi hoje. Como faço?”

“Não tem como trabalhar assim”, protestou João Batista, outro caminhoneiro. “Estamos pagando para trabalhar!”

Foto: Wagner Romano/ PIRANOT

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 23/05/2018|

Caminhoneiros voltam a congestionar rodovia de Piracicaba

Os caminhoneiros estão começando a congestionar a Rodovia Geraldo de Barros (SP-304), em Piracicaba. Vários caminhões já estavam sendo estacionados no acostamento da via na manhã desta quarta-feira (23).

A paralisação é um protesto ao constante aumento no preço do combustível e também à cobrança de pedágios por eixos levantados dos caminhões.

Segundo informações do repórter do jornal PIRANOT que se encontra no local, a paralisação está crescendo cada vez mais. Ainda não dá para precisar quantos quilômetros de congestionamento o local possui, porém é possível notar que a fila de caminhões começa antes do posto Bigaton e já passa a empresa Klabin.

Conversamos também com um dos caminhoneiros e a informação que nos foi passada é que o sindicato já está a caminho do local. A ideia é paralisação geral.

“A transportadora pega o frete e eles repassam apenas 70% para a gente, 30% eles ganham em cima. Eles podiam pagar um pouco mais para nós”, reivindicou o caminhoneiro Antônio César Grim. “E um dos maiores problemas é o eixo erguido… por exemplo, você paga eixo erguido e, quando volta vazio, paga eixo erguido de novo. Pra quê isso? Acho que não tem necessidade. Outra coisa: se eu pegar uma carga hoje, amanhã eu vou entregá-la e o diesel subiu. Mas eu não vou receber amanhã, eu já recebi hoje. Como faço?”

“Não tem como trabalhar assim”, protestou João Batista, outro caminhoneiro. “Nós estamos pagando para trabalhar!”

Às 09h13 desta quarta, o Águia da Polícia Militar sobrevoava o local. Pela rodovia se encontra uma viatura da Polícia Rodoviária e um guincho do DER (Departamento de Estradas de Rodagem). Uma viatura da Força Tática deixou a rodovia agora há pouco.

Foto: Wagner Romano/ PIRANOT

Foto: Wagner Romano/ PIRANOT

Foto: Wagner Romano/ PIRANOT

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 23/05/2018|

Estrada do Bongue em Piracicaba é liberada para tráfego de veículos

A Estrada do Bongue, em Piracicaba, está liberada para o tráfego de veículos. O local ficou interditado, após um pedaço de rocha se desprender da pedreira e cair no meio da via. Na manhã desta terça-feira (22), órgãos municipais compareceram no local e disseram que não tinham previsão para o desbloqueio da estrada.

Com a liberação do trânsito, apenas uma das faixas — sentido Prefeitura — continua interditada. Na tarde desta terça-feira, o trânsito já seguia normal no trecho.

Segundo informações passadas ainda nesta manhã pelo Tenente Giovani, do Corpo de Bombeiros, cerca de 15 mil toneladas de material se desprenderam da encosta. A Defesa Civil também informou que a rocha que se desprendeu da pedreira e caiu na via mede cerca de 10 metros de comprimento, seis de largura e 1,5 metro de espessura. Esse pedaço se desprendeu e caiu de uma altura de aproximadamente 30 metros.

Odair de Melo, secretário executivo da Defesa Civil, comentou nesta manhã que a rocha que caiu ficará no canto da via e servirá como uma barreira natural, caso outros pedaços também se desprendam.

Ainda nesta manhã de terça, o PIRANOT noticiou que os agentes estudam o colocamento de uma contenção mais resistente no local, visto que, atualmente, a única contenção existente na via é feita de tubos de PVC cheios de concreto. Agora há pouco, foi dito em nota que a Semob (Secretaria Municipal de Obras) já se prontificou em providenciar a execução de uma nova barreira de contenção no lugar da que foi afetada.

Na manhã de quarta-feira (23), técnicos da Semob e da Defesa Civil comparecerão novamente no local para avaliar a possibilidade da liberação total da avenida.

Por que a pedra se desprendeu da encosta?

Segundo declaração da Defesa Civil, a maior possibilidade é a infiltração de água que ocorre no local já há cerca de 20 ou 30 anos.

Paralelo a isso, foi possível flagrar água no ponto onde o pedaço de rocha se desprendeu. A infiltração de água natural (proveniente de chuva), junto à água proveniente das casas no local, faz com que haja uma dilatação na pedreira.

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 22/05/2018|

Protesto de caminhoneiros congestiona rodovia de Piracicaba

Por todo o país, vários protestos de caminhoneiros têm sido registrados por conta dos constantes aumentos da gasolina. E aqui em Piracicaba não é diferente: a Rodovia Geraldo de Barros (SP-304) também registrou protesto na manhã desta terça-feira (22).

Na Geraldo de Barros (SP-304), o congestionamento começa antes da Klabin e segue até o posto Bigaton. A rodovia está parada em ambos os sentidos e apenas carros estão liberados para o tráfego — caminhões seguem todos parados.

A Polícia Rodoviária informou ao PIRANOT que trata-se de aproximadamente 5 km de congestionamento. Eles informaram também que estão negociando com os caminhoneiros para que a via seja devidamente liberada, visto que eles não possuem autorização judicial para fechar as faixas. Os caminhoneiros têm até às 13 horas para liberar a via.

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Foto: Bianca Lameira/ Você no PIRANOT

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 22/05/2018|

Motorista fura placa “pare” e provoca acidente em Piracicaba

Um motorista colidiu contra um motoqueiro no início da tarde desta segunda-feira (21), em Piracicaba. O acidente ocorreu por volta das 13h40, na esquina da Rua XV de Novembro com a Rua Bom Jesus.

Foto: Rafael Fioravanti / PIRANOT

Os repórteres do jornal PIRANOT flagraram o acidente. Um motoqueiro trafegava pela Rua XV de Novembro, sentido Centro, quando um veículo Ford Ka preto furou a placa “Pare” e colidiu contra a moto. Com o impacto, o motociclista foi arremessado para cima; já o carro colidiu contra um poste.

O motorista do Ford Ka preto alegou ter sofrido um mal súbito, porém negou atendimento e disse que preferia ser socorrido por meios próprios. Já o motoqueiro de 35 anos sofreu uma contusão na clavícula esquerda.

O trânsito no local apresentou lentidão. Enquanto a equipe da Unidade de Resgate aguardava o policiamento e a Semuttran (Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte), o quadro clínico do motoqueiro começou a piorar e o socorro da vítima ao Hospital da Unimed teve de ser feito com maior agilidade.

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 21/05/2018|

Pai e filha se acidentam de moto na Rodovia Geraldo de Barros, em Piracicaba

Um acidente de média gravidade acaba de ser registrado na Rodovia Geraldo de Barros (SP-304), em Piracicaba, na tarde deste sábado (19). O acidente ocorreu por volta das 13h, próximo à Klabin.

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Segundo informações apuradas pelo jornal PIRANOT, pai e filha trafegavam de motocicleta pela Rodovia Geraldo de Barros, sentido Santa Terezinha, quando foram fechados bruscamente por uma caminhonete. Houve queda e a moto acabou parando sob o guard-rail da pista.

A filha, cuja idade não foi divulgada, sofreu escoriações abrasivas por todo o corpo. Já o pai (que pilotava a moto) tem 44 anos de idade e sofreu uma possível fratura na costela direita, além de escoriações pelo corpo.

Ambos foram encaminhados à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Vila Sônia, onde receberão maiores atendimentos.

O motorista da caminhonete se evadiu do local.

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 19/05/2018|

Avenida Armando Salles, em Piracicaba, ficará parcialmente interditada

Um dos mais importantes logradouros da área central de Piracicaba, a Avenida Armando de Salles Oliveira, ficará parcialmente interditada neste final de semana — dias 19 e 20 de maio. O Águas do Mirante diz que a interdição terá de ser feita para execução de obras no sistema de esgotamento sanitário.

Foto: Google.

No sábado (19), a interdição será das 13h às 20 horas, na esquina da avenida com a Rua Prudente de Moraes. Nesse trecho, será feito uma extensão de 12 metros na rede coletora de esgoto. A concessionária afirmou que instalará uma tubulação com diâmetro nominal de 250 milímetros a uma profundidade média de 1,80 metro. Todos os tipos de veículos estarão proibidos de circular pelo local nesse período.

Já no domingo (20), a interdição será das 07h às 17 horas, na altura do número 2008 da avenida. Nesse período, a equipe de operação da Águas do Mirante realizará manutenção preventiva na Estação Elevatória de Esgoto Itupeva.

Em ambos os dias, uma equipe da Semuttran (Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte) estará no local para o acompanhamento da obra e monitoramento do trânsito.

A conclusão das obras, segundo o Águas do Mirante, dependerá exclusivamente da ausência de precipitações e das condições do solo em questão. A concessionária solicita ainda que os pedestres evitem o local no final de semana.

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 17/05/2018|

Aposentado de 86 anos é atropelado no centro de Piracicaba

Um aposentado de 86 anos foi atropelado ontem (16), no centro da cidade de Piracicaba. O acidente ocorreu por volta das 17h25, na esquina da Rua XV de Novembro com a Rua Governador Pedro de Toledo.

Foto: Wagner Romano/ PIRANOT

Segundo informações apuradas pelo jornal PIRANOT, o aposentado de 86 anos atravessava a Rua XV de Novembro, quando um veículo VW Fox saiu da Rua Governador Pedro de Toledo e adentrou a via. O veículo não conseguiu realizar a frenagem e acabou atropelando o aposentado.

O aposentado sofreu um ferimento corte contuso (FCC) em ambas as pernas, além de escoriações por todo o corpo. Por sorte, ele não bateu a cabeça. A vítima seguia consciente após o atropelamento, porém não conseguia informar o que havia acontecido.

O veículo não ficou danificado. Segundo o motorista, de 21 anos, a vítima atravessava a rua fora da faixa de pedestres quando ocorreu o atropelamento. Ele ainda comentou que tentou frear e desviar, mas não conseguiu.

O aposentado de 86 anos foi socorrido ao Hospital da Unimed por uma Unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros. Segundo o hospital, a vítima não corre risco de vida.

Fotos

Foto: Wagner Romano/ PIRANOT

Foto: Wagner Romano/ PIRANOT

Foto: Wagner Romano/ PIRANOT

Foto: Wagner Romano/ PIRANOT

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 17/05/2018|

Homem que morreu atropelado em rodovia de Piracicaba é identificado

Foi identificada a vítima que entrou em óbito no acidente ocorrido na noite de segunda-feira (14), na Rodovia Cornélio Pires, pista que liga Piracicaba a Saltinho. Trata-se de Luiz Antonio Carrara.

Foto: Thiago Gois / Você no PIRANOT

Luiz Antonio Carrara tinha 53 anos, era divorciado e trabalhava como ajudante de motorista. Ele vivia no município de Rio das Pedras, nas proximidades do Jardim Dona Rosina.

Seu sepultamento foi realizado às 16 horas desta terça-feira (15), no Cemitério Municipal de Rio das Pedras. Ele deixa parentes e demais amigos.

O acidente

O atropelamento ocorreu por volta das 18h30, próximo à Usina Santa Helena, do grupo Raízen.

Leitores do PIRANOT/POJUCA relataram que viram um braço humano caído na rodovia. Como as pessoas começaram a diminuir a velocidade do carro para olhar o corpo na pista, houve colisão entre dois automóveis e um deles capotou. A mulher que estava no veículo capotado foi encaminhada ao Hospital dos Fornecedores de Cana (HFC) de Piracicaba.

Segundo informações registradas no Boletim de Ocorrência, a 01h26 desta terça-feira, “não foi localizado o veículo causador do acidente fatal, apesar de todas as diligências”.

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região em tempo real? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 15/05/2018|
Carregar mais conteúdo