Vacinação em Piracicaba (SP): cinco mil doses devem ser recebidas ainda esta semana, diz Prefeitura

A Prefeitura de Piracicaba aguarda para esta semana a chegada dos lotes da vacina contra a Covid-19 no município, distribuídos pelo Governo do Estado. Inicialmente, estão previstas 5.280 doses, que vão imunizar profissionais da saúde, que trabalham na linha de frente de combate ao novo coronavírus, e idosos moradores em Lares de Longa Permanência (ILPI).

Foto: CCS

O prefeito Luciano Almeida se reuniu hoje (20/01), em seu Gabinete, com o secretário de Saúde, Filemon Silvano, o procurador-geral do município, Fábio Ferreira de Moura, o coordenador do Centro de Vigilância em Saúde (Cevisa), Moisés Taglietta, e a secretária de Gabinete, Juliana Baccarin, para definirem juntos os detalhes da campanha de vacinação.

“O importante é que a vacinação em Piracicaba vai começar nos próximos dias e a população será plenamente informada sobre o processo para que possamos, juntos, superar esta fase dífícil”, disse Luciano. Segundo o prefeito, o município está preparado para fazer um excelente trabalho. “Temos profissionais qualificados em nossa rede de saúde e infraestrutura de qualidade para uma boa logística de distribuição”, enfatizou.

De acordo com Filemon Silvano, Piracicaba seguirá as orientações técnicas do Governo Estadual. “Nada mais correto que as primeiras pessoas a serem protegidas contra a Covid-19 sejam os profissionais da linha de frente de combate, uma vez que estão mais expostas ao novo coronavírus. E também os idosos de lares de longa permanência, que são os mais sensíveis e com risco elevado de agravamento dos sintomas em caso de contágio”, explicou.

Moisés Taglietta disse que os profissionais de saúde a serem vacinados nesta primeira etapa são os que estão na linha de frente de atendimento aos pacientes com a doença, tanto na rede pública municipal de saúde quanto nos hospitais da cidade, conforme diretrizes do Ministério da Saúde (MS).

Informações do Estado de São Paulo são de que a distribuição e a expansão dos grupos prioritários a serem imunizados seguirá uma escala gradual a depender da produção da vacina e dos lotes recebidos. As informações oficiais sobre o desenvolvimento da campanha serão divulgadas pelo Departamento de Comunicação Social da Prefeitura.

Informar Erro
Leia também

“Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência. Ao utilizar nossos serviços, você concorda.” Prosseguir Mais detalhes