Suspeitando estar grávida, criança de 10 anos denuncia o tio por estupro

Foi preso ontem (18), um homem de 27 anos, acusado de estuprar por três vezes a sobrinha em 2009. Ela tinha 10 anos na época.

Segundo a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), os estupros ocorreram em Planaltina, cidade satélite de Brasília (DF), onde a vítima morava com os pais. O agressor residia em uma casa perto e aproveitava para cometer os abusos quando a mãe da menina pedia para ela levar recados ao tio ou resolver algum problema.

Ainda segundo a delegacia, o agressor estava escondido na cidade goiana de Iporã e já foi condenado a 14 anos de prisão pelos estupros cometidos contra a criança.

Os abusos

Os abusos foram descobertos por uma professora da criança. A menina desabafou com a docente, revelando o receio de estar “grávida de um namorado”. Atordoada, a professora entrou em contato com a mãe da menina logo em seguida.

Em uma conversa, a garotinha revelou que o autor dos estupros era o tio. Após exames, constatou-se que a menina não estava grávida.

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também