Campinas (SP) | Vigilância Sanitária lacra dois salões de beleza em fiscalização

Ações de fiscalização da Vigilância Sanitária, do Departamento Municipal de Vigilância em Saúde (Devisa) de Campinas, flagraram dois salões de beleza funcionando nesta quarta-feira (24). Os estabelecimentos, no Jardim do Lago e no Jardim Ibirapuera, foram autuados e interditados. Os fiscais fizeram rondas e também checaram denúncias de descumprimento das medidas sanitárias da Fase Emergencial do Plano São Paulo.
Foto: Divulgação
Os agentes da Vigilância Sanitária, com apoio da Guarda Municipal, realizaram duas frentes de fiscalização e ações de rondas ampliadas na região central da cidade, Jardim do Lago, Cidade Jardim e Jardim Ibirapuera. Foram inspecionados estabelecimentos essenciais (padarias, mercados, óticas, entre outros); bares, restaurantes e lanchonetes, a partir de denúncias pelo telefone 156 sobre a falta de uso de máscaras por clientes e profissionais; e também estabelecimento não essenciais que estariam em funcionamento, como salões de beleza e academias.
As ações de fiscalização da Prefeitura foram ampliadas e estão sendo mais abrangentes, na tentativa de identificar estabelecimentos não essenciais em funcionamento. Os fiscais averíguam as denúncias e orientam os estabelecimentos autorizados a funcionar nesta fase sobre as medidas para frear a transmissão da Covid-19.
Durante a fiscalização, também foram sanadas dúvidas dos comerciantes da região central sobre o funcionamento nas modalidades drive-thru e delivery e o horário de encerramento das atividades.

Denuncie

A população pode colaborar adotando as medidas de prevenção contra o novo coronavírus, como higiene das mãos e uso de máscara de proteção, evitando aglomerações e não frequentando festas clandestinas.
As denúncias devem ser feitas pelo 156 e pelo telefone 0800-771 3541. A Guarda Municipal também pode ser acionada pelo telefone 153.
Os estabelecimentos flagrados descumprindo os decretos municipais vigentes e as demais medidas sanitárias contra a pandemia de Covid-19 estão sujeitos a multa de 800 UFICs (R$ 3.030,88) e lacração imediata.
No hotsite covid-19.campinas.sp.gov.br, a população tem acesso às informações e o monitoramento de dados da Covid-19 no município, com a situação epidemiológica diária (perfil de casos, óbitos, ocupação de leitos) bem como as recomendações técnicas, videoaulas e legislações vigentes.
Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também