Sapucaia, em Piracicaba, termina em confronto com a polícia e pessoas desmaiadas

- PUBLICIDADE -

Foto: Reprodução / Facebook
Foto: Reprodução / Facebook

O desfile da tradicional Sapucaia e seus blocos pela região central de Piracicaba terminou na tarde deste domingo em confusão. Os moradores do local defendem a atuação da polícia, já os foliões criticam.

Era por volta das 17h30 quando um grupo de pessoas entrou em confronto com policiais militares e guardas civis que faziam a segurança do evento. Os foliões teriam desrespeitado uma ordem e jogado objetos nos agentes públicos o que foi revidado. O leitor Daniel Henrique Fuzatto viu o que aconteceu. “A polícia estava pedindo para o pessoal descer, como sempre faz, aí teve uns babacas que começaram a jogar garrafa e latinha neles, que revidaram com as bombas”.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

confusao1
Foto: Reprodução / Facebook

Motoristas que passavam pela região ficaram no meio do confronto sem entender nada. “Eu não sabia o que estava acontecendo, passei de carro eu e minha irmã, nossos olhos começaram a queimar. Eu já não conseguia enxergar quase nada, daí um cara gritou para mim voltar na contramão, pois eu estava indo direto para o meio da confusão sem saber” disse Marly Casaque Santos.

Pouco antes do tumulto, o repórter cinematográfico que fazia imagens para o PIRANOT, Valter Martins, teve a câmera atingida por água. O equipamento queimou. “Não consegui identificar quem jogou, mas agora é um prejuízo de uns R$ 3 mil” lamentou.

Todo o desfile dos blocos era acompanhado também pelo helicóptero Águia da Polícia Militar. Em dos vídeos publicados nas redes sociais, uma mulher passa mal e desmaia após a correria. Fotos de banheiros químicos depredados também estão sendo enviadas ao PIRANOT de pessoas revoltadas com a atitude de vândalos.

E tem mais….

Publicado por Andréia Portella em Domingo, 31 de janeiro de 2016

 

Outra leitora, Cristina Margiotto, disse conhecer as pessoas do vídeo. “Todos são trabalhadores, de família e meus amigos. Eu estou em casa, mas eles gostam e tem direito a diversão. São pessoas de bem” disse ela pedindo para a população não julgar sem saber da situação.

MAIS NOTÍCIAS – Participe do nosso grupo no Facebook, o “PiraNOT.com” e acompanhe novas informações, fotos e vídeos deste caso em primeira mão. Clique aqui.

Informar Erro

- Continue depois do anúncio -

Leia também

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir