“Quem não se arrisca, não tem histórias para contar”, dizia trabalhador morto na região

A irmã do trabalhador que morreu prensado em uma cerâmica de pisos na Região Metropolitana de Piracicaba (RMP), usou as redes sociais para falar sobre o irmão. “Luto eterno”, disse.

Foto: Divulgação

Paula Graziela Ramos contou um pouco de quem era Daniel. “Era sempre muito querido por todos, inclusive a gente o chamava de Paulinho. Certamente deixou um legado de muito amor. Meu irmão sempre falava a seguinte frase: ‘Quem não se arrisca, não tem histórias para contar’. Tinha muitos sonhos. Vai fazer muita falta”, lembrou.

Em outro momento, ela se despediu através de um texto e foto. Leia na íntegra, do jeito que ela postou:

É assim que eu vou sempre me lembrar de vc meu maninho..
Com seu jeito alegre, divertido, e que em todo momento estava brincando e pronto pra ajudar seja como fosse .
Eu sei q agora vc está em um lugar bem melhor…🙏
Sentirei muito sua falta….
#lutoeterno

Informar Erro
Leia também