Prefeitura anuncia revitalização da ‘Avenida do Sexo’ em Piracicaba

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A Prefeitura de Piracicaba – SP anunciou na tarde de ontem (15) que investirá R$ 4,5 milhões em uma fase inicial do projeto Urbanístico de Mobilidade do Complexo da Rua do Porto que inclui toda a extensão do rio Piracicaba da Avenida Renato Vagner, atrás do shopping, até a Ponte do Morato, no Nova Piracicaba.

A fase inicial, que começa pela Renato Vagner, acontece após diversas denúncias veiculadas pelo PiraNOT dando conta que a avenida virou ponto turístico sexual conhecido em toda a região atraindo homens que praticam com outros homens sexo as margens do rio ou até mesmo na via. E Dezembro passado, por exemplo, um senhor, morador de Santa Bárabara d’Oeste – SP, morreu em um latrocínio quando estava na mata observando outros casais transando.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Com a implantação do projeto, a Prefeitura pretende criar uma estruturação urbana, ambiental e de mobilidade para a área do sistema de parques lineares às margens do rio Piracicaba. De acordo com o prefeito Gabriel Ferrato, “a Avenida Renato Wagner constitui uma área relativamente degradada e mal utilizada, que será objeto de uma requalificação e de integração com as demais áreas e equipamentos públicos da orla do rio Piracicaba, ampliando as oportunidades de lazer e recreação aos piracicabanos e incorporando demandas da sociedade, como uma ciclovia construída de forma tecnicamente adequada. As pessoas poderão se movimentar desde o Lar dos Velhinhos até o Centro de Lazer do Trabalhador, desfrutando do ambiente e da paisagem do principal patrimônio natural de nossa cidade, que é o rio Piracicaba, reforçando o nível de consciência social sobre a necessidade de sua preservação”.

A primeira etapa da requalificação da Avenida Renato Wagner consistirá na supressão de uma das vias de circulação, que parte será transformada em calçadão e parte em ciclovia. A outra via, que será totalmente recapeada, terá trânsito em dois sentidos. Haverá uma nova iluminação pública e ornamental, além de paisagismo e implantação de mobiliário urbano, como bancos, lixeiras, quiosques e assim por diante. A extensão da avenida é de 1.200 metros e estima-se um investimento em torno de R$ 4,5 milhões.

Numa segunda etapa, o projeto prevê construir um parque na área arborizada da margem do rio, que receberia mais uma pista de caminhada e mais uma ciclovia, além de playground, paisagismo e iluminação. Está prevista, ainda, a construção de três decks com avanço sobre o rio Piracicaba, como um espaço de contemplação e valorização de nosso rio.

O projeto urbanístico de mobilidade também prevê a requalificação de espaços já existentes, incluindo a readequação da ciclovia ao longo da Avenida Beira Rio e na Avenida Alidor Pecorari, intervenções no Parque da Rua do Porto João Herrmann Neto, com possibilidade de execução de uma passarela sobre o lago, travessia em nível em frente à Prefeitura em direção ao Parque e outras travessias em nível na Avenida Alidor Pecorari, além da readequação da entrada Principal do Parque da Rua do Porto para valorizar ainda mais o espaço.

Completando o cenário, prevê-se a integração da Rua do Porto e Avenida Alidor Pecorari com o Centro de Lazer do Trabalhador, que também será remodelado e está em fase de elaboração de projeto. Na outra margem, também em fase de elaboração de projeto, está prevista a reforma e revitalização do Parque do Mirante, que passou por um concurso público no ano passado, coordenado pelo Instituto de Arquitetos do Brasil.

“O projeto tem como proposta realizar intervenções urbanas nos espaços que ainda faltavam para realizar a plena integração da orla do rio Piracicaba na sua área central, unindo os parques e ambientes que fazem parte do complexo turístico da Rua do Porto e promovendo o lazer e o entretenimento para a nossa população e, consequentemente, para nossos visitantes e turistas, que movimentam dinheiro em nossa cidade, promovendo o emprego. Além disso, o projeto desenvolve o conceito do turismo sustentável, adequando diferentes usos dos espaços públicos, alinhado à preservação do nosso rio Piracicaba e da água”, afirma a secretária de Turismo, Rose Massarutto.

…..

Projeto Urbanístico de Mobilidade da Rua do Porto

A Stuchi & Leite Projetos, contratada em 2014 pela Prefeitura de Piracicaba, por meio de licitação, desenvolveu um projeto urbanístico e de mobilidade, que compreende a criação de um parque para a Avenida Renato Wagner; um estudo para instalação de ciclovias e a reestruturação Centro de Lazer do Trabalhador, a partir de uma estratégia que integre também os outros parques lineares já existentes na orla do rio Piracicaba, propondo a valorização de toda a área do Complexo da Rua do Porto.

No momento em que a cidade está promovendo a revisão de seu Plano Diretor, alinhado com o que há de mais avançado no Brasil, o sistema de parques programáticos integrados estabelece uma estratégia de intervenção (urbana, ambiental, de mobilidade e turística) para toda a região do complexo da Rua do Porto, onde todas as intervenções recebam uma identidade comum, abrindo oportunidades de viabilização das intervenções como um conjunto territorial integrado.

“A oportunidade de constituir o sistema de Parques Lineares do Rio Piracicaba, na área central e histórica da cidade, surge como o elemento urbanístico gerador de valores ao integrar os diversos parques e ações exemplares de aproximação cidade-águas. Tais oportunidades se potencializam neste momento da cidade com a janela de oportunidades advinda da revisão do Plano Diretor e com as decisões políticas que tornam “Piracicaba, cidade brasileira referencial na relação com seu rio”.”, afirma Carlos Leite, o arquiteto e PhD, diretor da Stuchi & Leite Projetos.

Informar Erro

- Continue depois do anúncio -

Leia também

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir