Piracicaba (SP): jovem vai parar na UTI após consumir bebida ‘suspeita’ de adulteração

Vendedor foi alvo de busca e apreensão

Um cabelereiro de 23 anos é investigado em Piracicaba (SP), por adulterar e vender bebidas alcóolicas. A casa dele no bairro Alvorada e uma adega, no qual ele é sócio, foram alvos de um mandado de busca e apreensão nesta manhã (19). Os sócios, um rapaz de 18 anos e uma gerente de 20 anos, são citados no Boletim de Ocorrência, mas nada de ilícito sob a posse deles foi encontrado.

Foto: Divulgação

Segundo o boletim de ocorrência, o cabelereiro teria criado com os sócios uma distribuidora de bebidas e vendeu, recentemente, um kit-coquetel para cinco adolescentes de um condomínio da cidade. Um deles, uma jovem, passou mal e ficou internada na UTI por dois dias, motivando um inquérito policial que levou a Justiça a expedir o mandado de busca e apreensão contra a empresa e os sócios.

Na casa do cabelereiro, além de bebidas, foram encontradas porções de maconha e quase R$ 9 mil em espécie. Ainda sob a posse dele estava uma motocicleta com placa adulterada. A polícia não soube informar ainda se ela é produto de roubo ou furto. Na adega mantida pelos sócios, na Avenida Rio das Pedras, foram apreendidas mais bebidas. Elas serão periciadas pelo Instituto de Criminalística.

Na casa dos sócios nada de ilícito foi encontrado. O rapaz de 18 anos não foi localizado em sua residência. Posteriormente, ele foi até a delegacia se apresentar e entregou o celular para perícia. O caso está sendo acompanhado pela UPJ (Unidade de Polícia Judiciária), do bairro Alto.

Informar Erro
Leia também

“Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência. Ao utilizar nossos serviços, você concorda.” Prosseguir Mais detalhes