Piracicaba (SP): “o pior para Barjas não foi perder para Luciano, mas para Ferrato”

Este artigo mistura um pouco de opinião e acontecimentos entre 2015 e 2016

A derrota de Barjas Negri (PSDB), nas urnas no ano passado é pior do que muitos podem imaginar. Não porque a derrota aconteceu para Luciano Almeida (DEM), quem ele chamou de ‘forasteiro’, e que aparentemente é, mas para seu ex-vice-prefeito, Gabriel Ferrato, que foi chefe do Executivo num dos piores anos que Piracicaba viveu em sua história recentemente.

Barjas e Ferrato em evento – Foto: Arquivo

O PIRANOT volta nos arquivos, para 2015/2016, quando o clima entre o, na época prefeito Ferrato, já de briga com Barjas – que não queria esperar mais quatro anos para voltar à Prefeitura, era horrível, ao ponto das suas esposas terem uma ‘discussão’ em público, no desfile das escolas de samba de Piracicaba.

Ferrato tentou se reeleger pelo PSB, mas desistiu. Para deputado foi pior ainda, disputou, não teve votos. Dizem os integrantes do antigo governo, fontes do PIRANOT, que pesquisa realizada na cidade em 2016 – ano da eleição -, poucos piracicabanos souberam dizer quem era o prefeito da época.

Se prepara!

O PIRANOT passará, a partir deste ano, cobrir política, com conteúdos quentes e polêmicos. Os bastidores! Conteúdo exclusivo, com suas fontes espalhadas nos dois poderes: Câmara e Prefeitura.

Informar Erro

- Continue depois do anúncio -

Leia também

“Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência. Ao utilizar nossos serviços, você concorda.” Prosseguir Mais detalhes