Piracicaba (SP): bombeiro civil é conduzido à delegacia por suposto golpe da vistoria

Caso foi na tarde de ontem (11) em um supermercado da cidade

Na tarde de ontem (11), em Piracicaba (SP), um bombeiro civil foi conduzido à delegacia para prestar depoimento e ser investigado pelo crime de estelionato, após chegar em um supermercado e alegar que o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) estava vencido e que precisaria ser renovado pelo valor de R$ 1,8 mil reais. Esse serviço só pode ser realizado, exclusivamente, pelos bombeiros militares.

Foto: Wagner Romano / PIRANOT

O bombeiro civil chegou no estabelecimento afirmando que o AVCB estava vencido e cobrou uma taxa mais alta do que a cobrada normalmente. No entanto, a filha do proprietário esclareceu que já tinha realizado a regularização e que pagou em torno de R$ 800.

Diante do caso, os bombeiros militares e a Polícia Militar foram acionados. O investigado foi levado à sede da UPJ (Unidade de Polícia Judiciária), onde o caso foi registrado. A Polícia Civil segue com as investigações.

Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros

O tenente Erik, do 16º Grupamento dos Bombeiros de Piracicaba, reforçou que o serviço de vistoria só pode ser feito por um bombeiro militar. “O bombeiro militar faz Vistoria do Corpo de Bombeiros, ele realmente é credenciado para fazer tal solicitação e vistoria”. “Fica a título de informação a todos comerciantes que a Vistoria do Corpo de Bombeiros é feita pelo bombeiro militar devidamente fardado, com a viatura do Corpo de Bombeiros”, afirmou o tenente.

Se no momento do serviço surgir alguma dúvida, o tenente orienta para que o comerciante solicite o documento funcional do bombeiro e não o deixe entrar no estabelecimento sem a devida identificação.

Questionado sobre a taxa de pagamento do Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), o tenente explicou que todas as taxas são pagas diretamente por meio do Via Fácil Bombeiros, que é o portal de serviços da instituição. Para pagamento da taxa é gerado um boleto, e o valor é direcionado exclusivamente ao Estado. Nenhum bombeiro está autorizado a receber no local do serviço. E vale ressaltar mais uma vez que somente o bombeiro militar está credenciado para realizar esse tipo de vistoria, o bombeiro civil não.

Nota do Corpo de Bombeiros

“Chegou ao conhecimento do Corpo de Bombeiros de Piracicaba a informação que em um Supermercado de Piracicaba, um indivíduo estaria se passando por fiscalizador do bombeiro e supostamente exigindo dinheiro para regularização, sob pena de multa. Momento em que o indivíduo retornou ao local, sendo assim acionada a guarnição de policiamento, que conduziu o indivíduo e as partes ao Distrito Policial. Ocorrência em andamento. Acompanhada no DP, pelo Comando de Área, Ten Erik. Elaborado averiguação de estelionato”.

“Orientação que somente o Corpo de Bombeiros da Polícia Militar do Estado de São Paulo faz vistoria e fiscalização nas edificações sujeitas a tal ações (empresas e comércios). Que o bombeiro militar estará fardado, com viatura identificada, e se necessário solicitar a apresentação de documento funcional. Com isso será evitado fraudes, extorsões ou até mesmo crimes mais graves (roubos) por parte de infratores da lei. Caso pessoas alheias as funções inerentes dos agentes do Estado tentarem adentrar forçosamente estabelecimentos comerciais e empresas com o argumentos de vistoria e fiscalização acionar a Polícia Militar através do 190”, finaliza a nota.

Foto: Wagner Romano / PIRANOT
Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também