Piracicaba ganha novo acelerador para tratamento do câncer

.

Foto: Junior Cardoso / PIRANOT

Foi publicado no Diário Oficial da União (DOU), do dia 01 de dezembro, a liberação de R$ 3,6 milhões do Ministério da Saúde, por meio do Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica (Pronon), para à aquisição de um Acelerador Linear de Elétrons – equipamento de radioterapia para tratamento do câncer – destinado ao Centro Oncológico (Ceon) do Hospital dos Fornecedores de Cana (HFC).

Desde 2015, a Prefeitura de Piracicaba, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, tem trabalhado em conjunto com o HFC para a atualização desta tecnologia, vital para que a cidade continue acompanhando a evolução científica no tratamento da doença, com alto padrão de qualidade no atendimento destinado aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). As diferentes técnicas têm levado a evoluções significativas para aumentar a eficácia terapêutica, possibilitando melhor qualidade de vida aos pacientes tratados.

De acordo com o secretário de Saúde de Piracicaba, dr. Pedro Mello, essa conquista faz parte da filosofia do governo municipal de trabalhar em parceria com os hospitais conveniados SUS a fim de mantê-los como referência em atendimento de média e alta complexidade. “A nova tecnologia traz maior resolutividade ao tratamento do câncer. Acompanhar essa tendência científica é uma marca dos nossos centros especializados. Contribuir para que o Ceon se mantenha na vanguarda é um compromisso do prefeito Barjas Negri”, explicou Pedro Mello.

O presidente do HFC, José Coral recebeu com enorme alegria a notícia da liberação do recurso para adquirir o equipamento, que irá garantir um tratamento extremamente preciso, com resultados significativos em um número menor de sessões. “É uma conquista. Trabalhamos diariamente para conseguir manter um hospital moderno, equipado com novas tecnologias que proporcionam eficácia no tratamento, assim, o Ceon pode oferecer cada vez mais um atendimento de qualidade à população”, disse o presidente.

A importância dessa atualização está no fato de, nos últimos dez anos, ter havido mudança significativa tanto nas exigências adotadas pelos órgãos reguladores – Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) – quanto na abordagem técnica terapêutica dos pacientes.

As normas publicadas periodicamente pelos órgãos acima obrigam os serviços de radioterapia adotar rotinas de atendimento e técnicas mais sofisticadas para maior segurança do paciente e melhor qualidade nos tratamentos, o que é possível com a mudança da técnica bidimensional para a tridimensional, proporcionada pelo novo acelerador linear.

O que é o Pronon?

O Pronon tem a finalidade de captar e canalizar recursos para a prevenção e o combate ao câncer, englobando a promoção da informação, a pesquisa, o rastreamento, o diagnóstico, o tratamento, os cuidados paliativos e a reabilitação referentes às neoplasias malignas e afecções correlatas.

A chegada deste novo aparelho para o serviço proporcionará, portanto, o tratamento com a técnica conformacional tridimensional (3D). A radioterapia conformacional 3D (3D-RT) e? uma forma avançada de radioterapia externa que utiliza imagens adquiridas por tomografia computadorizada, ressonância magnética ou tomografia por emissão de pósitrons e as transfere ao computador de planejamento para criar uma imagem tridimensional do tumor, possibilitando que múltiplos feixes de radiação de intensidade uniforme possam ser conformados exatamente para o contorno determinado da área alvo de tratamento, com as margens de segurança determinadas.

Essa técnica é usada para tratar diferentes tipos de câncer, incluindo câncer de cabeça e pescoço, próstata, esôfago, alguns tipos de câncer de pulmão, câncer de mama e tumores cerebrais. Portanto, a nova tecnologia vai oferecer aos médicos maior controle durante o tratamento de tumores, o que garantirá aos pacientes doses de radiação mais elevadas administradas no tumor, e menos exposição à radiação dos tecidos saudáveis, diminuindo os efeitos colaterais.

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também