Para evitar aumento da tarifa, Prefeitura sobe para R$ 1 milhão subsídio para a Viação Tupi

CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na noite de ontem (09), foi aprovado em primeira discussão, na 23ª, e em segunda discussão, na 24ª reunião extraordinária da Câmara de Vereadores de Piracicaba, o aumento do subsídio para a Viação Tupi, empresa temporária no transporte público municipal, afim de evitar um aumento da tarifa e problemas financeiros para a prestadora do serviço.

- Continue depois da Publicidade -

Para evitar aumento da tarifa, Prefeitura sobe para R$ 1 milhão subsídio para a Viação Tupi
Foto: Rafael Fioravanti / Jornal PIRANOT

Segundo o Poder Legislativo, o projeto de lei 64/2020, de autoria do Executivo, pedia autorização para conceder subsídio de até R$ 7,2 milhões, ainda em 2020, à empresa. Esse total é a soma das sete parcelas mensais de R$ 1.025.910 previstas de junho a dezembro deste ano. O valor é superior aos R$ 417 mil de subsídio mensal que entraram em vigor com a publicação da lei 8.301, em outubro de 2015, agora revogada com a aprovação do PL 64/2020.

- Continue depois da Publicidade -

A Viação Tupi assumiu o lugar deixado pela Via Ágil, que pediu a rescisão do contrato por considerar o lucro operacional inferior ao desejado.

Contas aprovadas

Os vereadores também aprovaram ontem o projeto de decreto legislativo 20/2020, de autoria da Comissão de Finanças e Orçamento, que consta o parecer prévio do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo sobre contas da prefeitura, referentes ao exercício financeiro de 2017.

Informar Erro

- Continue depois da Publicidade -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir