Isolamento social em Piracicaba (SP) aumenta apenas 02% no primeiro dia de lockdown

Meta é de no mínimo 60%

As medidas de restrição que vigoram em Piracicaba (SP, desde o último sábado (27), não impactaram no isolamento social segundo o Governo do Estado de São Paulo. Dados apurados pelo PIRANOT mostram que os piracicabanos não aderiram ao novo decreto municipal.

Foto: Gustavo Alves de Oliveira / @CamufladosBike

Segundo o Governo do Estado, no sábado apenas 44% dos piracicabanos se isolaram, ou seja, se locomoveram em até 200 metros do local onde dormiram. O monitoramento é feito em parceria com as operadoras de celular que passam a localização dos aparelhos e assim gera-se os dados.

Em comparação com o sábado anterior, dia 20, 42% dos piracicabanos se isolaram. Ou seja, o crescimento foi de apenas 02%.

A falta de cooperação de populares nas medidas restritivas são uma das criticas dos comerciantes e empresários ao Poder Público. Para eles não tem adiantado a penalização econômica se a sociedade não colabora e eles tem razão.

No final de semana, sábado e domingo, Piracicaba somou, ao todo, 13 mortes por coronavírus. Os boletins podem ser acompanhados todos os dias no final da tarde na capa do nosso jornal.

Informar Erro
Leia também