Borracheiro é preso em Piracicaba (SP) após cachorra morrer por maus-tratos

Caso foi na Vila Fátima

Uma veterinária da Prefeitura de Piracicaba (SP), de 40 anos, junto com autoridades policiais, prenderam ontem (31), um borracheiro de 34 anos, acusado de maus-tratos contra animais. A vítima é uma cachorra que sofreu sem atendimento veterinário até morrer.

Foto: Divulgação

Segundo o Boletim de Ocorrência, a profissional recebeu uma denúncia e no local – Rua Amadeu Castanho – constatou o óbito do animal, causado por uma doença dolorosa não especificada.

Diante dos fatos, a Guarda Civil deu voz de prisão ao homem que foi conduzido ao plantão policial e ficou à disposição da Justiça.

Informar Erro
Leia também