Após perder para o Rio Claro, técnico do XV é demitido

Foto: XV de Piracicaba
Foto: XV de Piracicaba

CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na disputa pela conquista da primeira vitória no Campeonato Paulista 2016, quem levou a melhor foi o Rio Claro na noite de ontem no estádio Barão da Serra Negra, ao surpreender o XV de Piracicaba e vencer o Alvinegro por 2 a 1. Rivaldinho marcou para o Nhô Quim no segundo tempo, porém o adversário já havia construído a vantagem de dois gols na primeira etapa. Com o resultado, Claudinho Batista, técnico do XV, foi demitido.

Frustrado, o técnico Claudinho Batista lamentou o resultado final do confronto. “Infelizmente não soubemos aproveitar as chances que criamos e cometemos erros que proporcionaram a vitória do nosso rival. Estamos muito chateados com o fato de entristecer o torcedor e complicar a nossa situação dentro da competição, mas temos que nos organizar e trabalhar para reverter tudo isso”, disse o treinador.

Com o resultado, o XV permanece com dois pontos conquistados e na quarta posição do grupo C. O Nhô Quim volta ao estádio Barão da Serra Negra neste sábado, 20, às 19h00, contra o Red Bull, pela quinta rodada do Paulistão.

A DEMISSÃO – Em seu terceiro jogo, o Alvinegro não conseguiu conquistar nenhuma vitória e fez apenas um gol. Diante da nova derrota e com a grande ameaça de rebaixamento, a direção do XV de Piracicaba anunciou, poucos minutos após o fim do jogo, a demissão do treinador. Um novo deve ser apresentado nesta quinta-feira a tarde.

- Continue depois da Publicidade -

O JOGO – O XV de Piracicaba teve um bom começo de jogo e com menos de cinco minutos criou duas oportunidades para abrir o placar. Na primeira, Gérson Magrão tocou para Fabinho, que chutou à direita do gol de Lucas. Logo depois foi a vez do atacante servir o meio campista, que chutou no lado de fora da rede, arrancando alguns gritos de gol do torcedor quinzista.

As esperanças quinzista começaram a ruir aos 19 minutos, quando Jean Patrick aproveitou saída errada da defesa do Alvinegro para fazer 1 a 0 para o adversário, que ampliaria o marcador quatro minutos depois, com Léo Costa, que recebeu de Lucas Xavier e chutou no canto direito rasteiro de Bruno Brígido.

Na segunda etapa, o XV voltou com duas modificações: Diney no lugar de Julinho e Rivaldinho na vaga de Rodrigo Silva. As substituições surtiram efeito e o Alvinegro buscou a todo momento os gols necessários para sair de campo com um resultado melhor, mas não conseguiu aproveitar todas as oportunidades.

A única chance que o Nhô Quim concretizou em gol aconteceu aos 21 minutos, quando Fabinho cruzou e Rivaldinho, de cabeça, marcou o primeiro gol do XV na competição, porém incapaz de mudar o placar final.

Informar Erro

- Continue depois da Publicidade -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir