O ‘prazer’ de falar da queda de audiência do “Jornal Nacional”

É muito bonito os que se dizem JORNALISTAS publicar essa semana, até mesmo na Folha de São Paulo, um dos veículos de maior credibilidade do país, que o “Jornal Nacional” da TV Globo perdeu cerca de 1/3 de sua audiência em 13 anos.

- Continue depois da Publicidade -

Tal notícia, passa uma falta sensação de que a Globo estaria perdendo força, que supostamente o público desse telejornal, o mais antigo e ainda o mais assistido do Brasil, estaria perdendo prestígio.
Mas o que acontece é algo totalmente diferente e natural.

Há 10 anos atrás, o poder aquisitivo da população era menor, não tínhamos tanta tecnologia e muito menos tínhamos acesso á elas.
Mas, o mundo se globalizou. As faculdades tiraram os jovens da frente da TV, a rotina da população ficou agitada.
As mulheres cada dia mais tem espaço no mercado de trabalho e o tempo que fica em casa divide em várias tarefas que pouco sobra para sentar e assistir sua novela da noite, a tão tradicional.
Vieram mais salas de cinemas, novos shoppings, baladas, o mundo mudou e muito!

Mas, parece que esses jornalistas pararam no tempo e querem comparar a TV da década passada com a de hoje. Daí não dá.
Antigamente as 20h, horário do “Jornal Nacional”, não tinha uma mosca na rua nesse horário. Havia uma tradição grande que impunha muitas regras e as mulheres que saiam tarde da noite para simplesmente ver a lua poderia ficar desonrada.
Hoje, é diferente… e como, não?

- Continue depois da Publicidade -

E se não bastasse essa mudança de hábitos da população, o mundo conheceu a internet. O Face book, Twitter, por exemplo, passaram a ser mais interessantes que as notícias de politica, economia, policia e por ai vai.
Embora a Globo, assim como todas as outras emissoras estarem em queda de audiência ano á ano, a internet cresce e na rede a emissora carioca continua sendo no seguimento televisivo a mais assistida.
É, o site da Globo, o Globo.com, é o 4° mais acessado do Brasil e perde apenas para o Uol, Google e FaceBook.
A Globo não está perdendo força, apenas está migrando para uma nova plataforma. Uma nova era da comunicação. Uma fase natural de acompanhamento dos passos do público.
Embora muitos telespectadores não assistir o “Jornal Nacional” pela TV, quando acessam sites da Globo podem ter acesso á esse material com facilidade á qualquer hora, dia e mês.

Embora muitos verem a internet como uma maravilha, os empresários, donos de veículos de comunicação debatem o futuro da imprensa no Brasil uma vez que a famosa ‘web’ ainda não é lucrativa e enterra com facilidade qualquer jornal impresso, revista ou emissora de TV.
Na internet não basta ter apenas muitos acessos, prestígio… você precisa de muita sorte e tradição com anunciantes e mesmo assim haverá resistência deles em pagar um valor justo por publicidade.
E nessa, nós que vivemos da imprensa temos um longo dilema pela frente. A internet acabará com a imprensa ou a publicidade na rede será lucrativa daqui alguns anos?

Dúvidas que nós do PiraNOT.com voltaremos a debater em outras ocasiões.

Informar Erro

- Continue depois da Publicidade -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Aceito