Connect with us

Esporte

XV marca no fim, chega a dez jogos de invencibilidade e cola no líder do Paulistão A2

Redação - PIRANOT / PORJUCA

Published

on

Em um jogo que teve pênalti perdido e três expulsões, o XV de Piracicaba marcou aos 47 minutos do segundo tempo e venceu a Portuguesa Santista por 1 a 0 no Barão da Serra Negra, na noite deste sábado, 7. Com o resultado, o XV chegou a dez partidas de invencibilidade, aos 19 pontos e à vice-liderança do Paulistão A2. O XV volta a campo no próximo sábado, às 15h, para encarar o Taubaté no Joaquim de Morais Filho, em Taubaté, pela 12ª rodada.

XV

Foto: Elcio Fabretti

O jogo

Jogando em casa, o XV quase abriu o placar aos 16 minutos do primeiro tempo. Raphael Macena deu bom passe para Marcelinho, que saiu de frente para João Lucas. O atacante tentou tocar por baixo do goleiro, que fez a defesa. Kadu Barone ainda pegou o rebote, mas não conseguiu acertar em cheio o chute. A partida começou a mudar totalmente de figura aos 23 minutos. Santiago invadiu a área pelo lado esquerdo e o árbitro marcou falta de Douglas Marques.

O pênalti foi batido por Gabriel Terra no canto esquerdo de Mota, que caiu e fez a defesa, pegando, inclusive o rebote em arremate à queima-roupa. Em seguida, após um princípio de confusão envolvendo Marcelinho e Gualberto no meio-de-campo, o juiz deu cartão amarelo para Douglas Marque e João Lucas e expulsou Raphael Macena e Diego Borges, ex-XV. Aos 50 minutos, Daniel Costa levantou na medida para Diego Jussani, que cabeceou na trave.

O Alvinegro Piracicabano, mesmo com um homem a menos em campo, voltou mais ofensivo, com a entrada do atacante Erison e a saída do zagueiro Douglas Marques. O primeiro lance de maior perigo na etapa final, no entanto, foi do visitante. Aos 12 minutos, Kalil limpou a marcação na entrada da área e finalizou no canto esquerdo de Mota, que mandou para escanteio. O técnico Tarcísio Pugliese promoveu a entrada de Erik Gabriel na vaga de Kadu Barone aos 25.

Daniel Costa, aos 32 minutos, deixou Diego Jussani em ótimas condições. O zagueiro tocou de lado para Robertinho, que chegou chutando e a bola explodiu no travessão. O suado gol que decidiu o confronto só saiu aos 46 minutos. Daniel Costa bateu escanteio, Robertinho cabeceou e Erik Gabriel empurrou para o gol, tirando o grito de gol entalado no Barão. Na comemoração, Douglas Marques invadiu o gramado, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso.

Paulistão A2 – 1ª fase – 11ª rodada: XV de Piracicaba 1×0 Portuguesa Santista

Data – 07/03/2020
Horário – 19h
Local – Estádio Municipal Barão da Serra Negra, Piracicaba
Árbitro – João Vitor Gobi
Assistentes – Rodrigo Meirelles Bernardo e Leandra Aires Cossette
Quarto árbitro – Jefferson Dutra Giroto
Avaliador de campo – Marcelino Tomaz de Brito Neto
Gol – Erik Gabriel aos 46’ 2/T (XVP)
Cartões amarelos – Daniel Costa, Jefferson Feijão e Diego Jussani (XVP); e Rômulo, João Gabriel, Galego e Gualberto (PSA)
Cartões vermelhos – Raphael Macena e Douglas Marques (XVP); e Diego Borges (PSA)
Público – 1.906 pagantes
Renda – R$ 36.835,00

XV de Piracicaba – Mota; Jefferson Feijão, Diego Jussani, Douglas Marques (Erison) e Paulão; Robertinho, Gabriel Soares e Daniel Costa; Marcelinho (Victor Adame), Kadu Barone (Erik Gabriel) e Raphael Macena. Técnico: Tarcísio Pugliese.

Portuguesa Santista – João Lucas; Ferro, Gualberto, Diego Borges e Rômulo (Luís Felipe); Rayllan, Galego (Barboza) e Gabriel Terra; Tauã, Santiago (João Gabriel) e Kalil. Técnico: Sérgio Guedes.

Fundado em 18 de novembro de 2011, o Jornal PIRANOT é uma marca da Empresa Júnior Cardoso LTDA. Aqui, notícias de Piracicaba são prioridades. Confira tudo o que acontece de mais importante na cidade em tempo real. Jornalismo 24 horas de plantão.