Connect with us

Notícias

Vereadora de Piracicaba solicita melhorias à Polícia Civil do município

Rafael Fioravanti

Published

on

Nesta quinta-feira (19), a vereadora Coronel Adriana pediu ao secretário de Segurança Pública do Estado de São Paulo, general João Camilo Pires de Campos, um aumento no número de funcionários na Polícia Civil de Piracicaba, além de melhorias nas estruturas dos policiais. O pedido veio por meio da moção de apelo 165/2019.

Foto: Polícia Civil

A vereadora explica que, segundo relatório de 2019 do Tribunal de Contas de São Paulo, a Polícia Civil de Piracicaba conta com 25.899 policiais, sendo que o efetivo fixado da Polícia Civil é de 34.720 policiais — ou seja, déficit de 8.821 homens e mulheres. Entre todos os cargos da Polícia Civil, o de investigador é o que conta com o maior déficit, faltando 2.899 funcionários.

A jurisdição Deinter-9 (Departamento de Polícia Judiciária do Interior), que atende 52 municípios, entre eles a cidade de Piracicaba, também apresenta um déficit de 45% do efetivo. Segundo o sindicato, faltam pelo menos 853 policiais civis de todas as carreiras da região.

Além de todo esse déficit de efetivo, a vereadora comenta que, em 2017, houve um aumento no número de crimes, sendo registrado 6.981 crimes de homicídios, roubo e furtos; em 2018, foram registrados 6.026 crimes. Este aumento, segundo a vereadora, é uma consequência clara do déficit de efetivo.

No texto da moção, a vereadora também explica que dos 645 municípios paulistas, 256 não têm delegado titular. De acordo com ela, em cidades do interior, delegados são responsáveis por até quatro municípios simultaneamente e convivem com a falta de investigadores e escrivães. Em 2015, havia três escrivães para representações na DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) de Piracicaba e apenas cinco estagiárias de direito.

A delegada Monalisa Fernandes dos Santos contou, durante uma reunião da Procuradoria Especial da Mulher, em 19 de fevereiro de 2019 na Câmara de Vereadores de Piracicaba, que faltam escrivães e estagiários de direito na DDM de Piracicaba.

“Para desempenhar suas atribuições constitucionais, a Polícia Civil precisa estar bem aparelhada, com efetivos compatíveis às demandas locais e em condições de atender o crescimento populacional e a expansão geográfica da cidade de Piracicaba”, disse a vereadora.

O maior problema, segundo a vereadora, é o déficit no efetivo

  • DINHEIRO DE VOLTA – Banco é obrigado a devolver taxas abusivas em contrato de financiamento de veículo quitado. Conheça os serviços da JUCA HELP!/PIRANOT, nova marca da Empresa Júnior Cardoso LTDA, clicando aqui.

Rafael é formado em jornalismo (comunicação social) pela Universidade Mackenzie, em São Paulo. Possui experiência em redações e editoras literárias. Integra a equipe do Jornal PIRANOT desde dezembro de 2017.

1 Comment

1 Comment

  1. Avatar

    cristiano

    20 de setembro de 2019 at 12:16

    Acorda governo do estado , vamos abrir concursos!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Este conteúdo está protegido por direitos autorais.