Connect with us

Esporte

Glauber declara seu amor ao XV após retorno aos gramados

Junior Cardoso

Published

on

Emprestado pelo XV de Piracicaba ao Treze de Paraíba no dia 30 de maio de 2013, o volante Glauber tinha como objetivo principal naquele ano o acesso à série B do Campeonato Brasileiro. Porém, o rompimento do ligamento cruzado anterior do joelho direito antecipou o retorno do atleta ao Alvinegro Piracicabano.

No dia 11 de setembro, o jogador se reapresentou ao clube e iniciou sua recuperação, que duraria, segundo as previsões médicas, de seis a oito meses. “Foi a minha primeira cirurgia em toda a carreira. Foi difícil, pensei em parar de jogar. Sentia muitas dores e ainda tive a lesão de menisco também. Foi Deus que me deu forças. Minha família e o pessoal do XV”, disse.

Durante o primeiro semestre de 2014, Glauber não conseguiu atuar no Campeonato Paulista e sofreu e torceu junto com a nação quinzista. “Não é fácil ficar na arquibancada. Vinha a todos os jogos, passava no vestiário e abraçava todos os companheiros. Era a única coisa que estava ao meu alcance. Mas eu acredito que o time foi bem, afinal a permanência na primeira divisão foi alcançada”, comentou.

A realização da Copa do Mundo no Brasil adiou ainda mais o seu retorno aos gramados, que aconteceu no último sábado, 9, contra o União Barbarense pela Copa Paulista. No total, foram exatos 332 dias desde o início do tratamento e a entrada em campo.

“A emoção foi grande quando subi as escadas do túnel e vi o meu filho me esperando. Foi um momento especial poder voltar a vestir a camisa do XV e atuar contra o União Barbarense, que foi a equipe que me revelou para o futebol. Tudo isso foi uma benção de Deus na minha vida”, contou o atleta.

Feliz, o volante quer conquistar uma vaga no time titular do técnico Cleber Gaúcho e ajudar o XV de Piracicaba a conquistar o título da Copa Paulista. “É um troféu que falta para o clube. Seria um sonho vencer a competição. Estou me aproximando da aposentadoria e gostaria muito de ser mais uma vez campeão com o XV e disputar outro Campeonato Paulista”, declarou o jogador.

Diretor, editor chefe e jornalista do PIRANOT. Começou a trabalhar em 2007, aos 14 anos, quando lançou seu primeiro blog na internet. Em 2011, criou o PIRANOT e fez parte, por três anos, de um programa da extinta TV Beira Rio. Estudou jornalismo na UNIMEP e assessoria de imprensa no SENAC. Fez estágio na Câmara de Vereadores e teve passagens por duas rádios de Piracicaba.

error: Este conteúdo está protegido por direitos autorais.