Connect with us

Notícias

Família de dono do estacionamento investigado por estelionato fala com o PIRANOT

Rafael Fioravanti

Published

on

Conforme o Jornal PIRANOT noticiou na terça-feira desta semana, dia 21, um estacionamento chamado Giga-Veículos, localizado na Avenida Comendador Luciano Guidotti, no bairro Caxambú, em Piracicaba (SP), encontra-se sob investigação por supostos esquemas de estelionato. Nesta quinta-feira (25), o irmão do dono do estacionamento investigado conversou com o PIRANOT.

Foto: Wagner Romano / Jornal PIRANOT

“A Giga Veículos é uma loja honesta. O proprietário, que é meu irmão, trabalha com carros há mais de 30 anos e nunca teve problema desse tipo antes”, comentou o irmão do investigado. “Claro que sempre há pessoas que compram carros usados achando que estão comprando carro zero, mas a loja sempre disponibilizou mecânicos para honrar os 60 dias de garantia que existe por lei.”

A respeito dos carros abandonados dentro do estacionamento, o irmão do investigado comentou que “os documentos dos veículos estão todos na delegacia, já prontos para serem entregues a seus respectivos donos.” Se houver dúvidas quanto aos documentos dos carros, a vítima deve “comparecer na delegacia para a retirada dos mesmos.”

Quanto à questão do crime de estelionato, ele é enfático. “Não há nenhuma ação de golpe ou estelionato. Tudo simplesmente foi um ato de desespero por conta de ameaças de agiotas.”

O irmão do investigado finalizou dizendo que todos os membros da família já estão colaborando com a Justiça para que os problemas com os veículos que estavam na loja sejam resolvidos. “Não estamos assumindo responsabilidade financeira, isso o próprio dono — meu irmão — vai resolver. O que acontece é que nossa família é unida e está ajudando-o nesse momento de tensão.”

O caso

O estacionamento Giga-Veículos encontra-se sob investigação por supostos esquemas de estelionato. Na noite desta terça-feira, dia 21, várias vítimas inclusive foram até o local para pegar seus veículos de volta.

De acordo com informações registradas em Boletim de Ocorrência, uma das vítimas deixou seu veículo Fiat Palio neste estacionamento investigado para que o proprietário do estabelecimento o vendesse. Na terça-feira, dia 14, o proprietário do estabelecimento ligou para a vítima, dizendo que já havia conseguido vender o carro e que a vítima deveria comparecer no estabelecimento para pegar o dinheiro.

Ocorre que a vítima foi até o estacionamento, mas se deparou com o estabelecimento trancado. A vítima disse ainda que, quando chegou no local, encontrou mais cinco pessoas com esse mesmo problema, também vítimas deste suposto golpe. Posteriormente, a vítima descobriu que o dono do estabelecimento está sumido desde a última quinta-feira, dia 16.

Na noite esta terça-feira (21), mais vítimas foram até o estacionamento para pegar seus veículos que foram deixados no local para serem vendidos. Antônio Carlos, uma dessas vítimas (dono de uma caminhonete que estava no local), conversou com o PIRANOT para explicar todo o ocorrido. “Eu deixei meu carro aqui no estacionamento por volta do dia 09 ou 10 de dezembro para que fosse feita uma venda simples (consignada) do veículo. Deixei o carro aqui para que não fosse feito um negócio particular. Desde então, venho monitorando o processo toda semana. Eu conheço esse pessoal já há mais de 15 anos, fiz negócios com eles no passado e nunca tive problemas. Acontece que estou tentando fazer contato com o estacionamento desde o dia 10 de janeiro e não consigo. Aí nesta terça (21), meu cunhado me ligou para mostrar uma reportagem sobre todo esse ocorrido”, disse Antônio.

Ele conta que, após saber do ocorrido, saiu do seu trabalho e foi direto para o estacionamento, onde constatou que seu veículo estava realmente entre os carros abandonados dentro do local. “A situação é de abandono, o estacionamento está parado, o cadeado do portão está estourado e alguns carros estão abertos, inclusive minha caminhonete estava com a porta entreaberta e com a chave na ignição. E há vários outros carros nesta mesma situação.”

A vítima conta que procurou a Polícia Militar e foi informada que a melhor coisa a se fazer seria registrar um Boletim de Ocorrência junto à Polícia Civil do município. “Há vários processos de estelionato vigentes [contra esse estacionamento], por isso a PM compareceu no local e autorizou a liberação do meu carro. Estou levando meu veículo embora, pois não há condições de largá-lo aqui nesse abandono. Há várias chaves de veículos jogadas em cima da mesa lá dentro, junto com um monte de documentos de carros. Tudo largado.”

Foto: Wagner Romano / Jornal PIRANOT

  • REVISÃO VIDA TODA – Novo entendimento de tribunal faz valor da aposentadoria dobrar. Saiba se você tem direito clicando aqui.
  • W&W POSTO DE LAVAGEM: procurando um lugar para lavar seu veículo? Conheça o W&W Posto de Lavagem, localizado na Rua Dom Pedro II, 2304. Mais informações pelo WhatsApp (19) 98763-7406.

Rafael é formado em jornalismo (comunicação social) pela Universidade Mackenzie, em São Paulo. Possui experiência em redações e editoras literárias. Integra a equipe do Jornal PIRANOT desde dezembro de 2017.

error: Este conteúdo está protegido por direitos autorais.