Connect with us

Entretenimento

Engenho Central de Piracicaba recebe show de Belo e Royce do Cavaco

Fernanda Maestro

Published

on

O Engenho Central de Piracicaba (SP), em comoração ao Dia Nacional do Samba, recebe no dia 02 de dezembro, a partir das 14h, o show de Belo e Royce do Cavaco.

Foto: Reprodução

A troca de ingressos por um litro de leite pode ser feita na Secretaria Municipal da Ação Cultural e Turismo (SemacTur). O Terminal Central de Integração e alguns pontos das regiões leste, sul e norte de Piracicaba também são postos de troca. O evento contará ainda, com a participação do grupo Samba & Prosa, Zero19, Thadeu e Amigos e Encontro de Batuqueiros.

Pontos de troca

As trocas poderão ser feitas na SemacTur, localiza na Avenida Maurice Allain, 454, Parque do Engenho Central, de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h; Terminal Central de Integração, aos sábados, das 9h às 14h; na Sorveteria Pollatto, Rua Eurico Gaspar Dutra, 383, Cecap, de segunda a domingo, das 13h às 20h; Barbearia do Trutão, Rua Turmalina, Cecap, de terça a sábado, das 13h às 22h. A programação de troca nas demais regiões, ficarão disponíveis nas páginas do Facebook da Escola de Samba Ekyperalta e Samba e Prosa.

O evento terá praça de alimentação, área reservada para pessoas com deficiência, seguranças e muito mais. Não será permitido a entrada de sprays de espuma ou similares, comércio de bebidas e/ou alimentos, bebidas em embalagens de vidro; o uso de equipamentos ou materiais que possam ser utilizados como armas ou possam ferir outras pessoas; o uso de “cooler” ou qualquer outro tipo de conservadora de bebidas.

A realização é da Secretaria Municipal da Ação Cultural e Turismo, Pelé Problema, Escolas de Samba de Piracicaba e Henry Paulino.

Dia Nacional do Samba

Criado pelo vereador baiano Luís Monteiro da Costa e sancionada pelo então prefeito de Salvador, Virgildásio Senna, no ano de 1963, o Dia Nacional do Samba foi instituída com o objetivo de homenagear à primeira visita, a Salvador do compositor mineiro Ary Barroso.

Antes mesmo de chegar às terras soteropolitanas, Ary era querido da população local por conta da canção Na Baixa do Sapateiro, que cita já no título, o famoso bairro da capital baiana. Gravada em 1938 por Carmen Miranda, a música alcançou sucesso internacional, ficando conhecida no exterior como Bahia. Inicialmente restrita a Salvador, com o passar dos anos, a data passou a ser comemorada em todo o Brasil.

 

Jornalista formada pela Universidade Metodista de Piracicaba. Trabalhou em campanhas políticas e estagiou na Câmara de Vereadores de Piracicaba. Atualmente, integra a equipe dos jornais PIRANOT e PORJUCA.

2 Comments

2 Comments

  1. Avatar

    Maria Carlet Alves

    24 de novembro de 2018 at 12:11

    Que vergonha!!! Falta dinheiro para tantas outras prioridades e gastam com Isso!! !!Por favor Secretarias Municipal de Piracicaba mais consciência!!!
    Desperta para a vida do povo Prefeitura!!!! E cadê a saúde, educação, Cultura e lazer num melhor nível ???

  2. Avatar

    Ricardo

    24 de novembro de 2018 at 13:23

    Espero que esse Belo não pegue os outros de leite para pagar suas dividas, um cara que deve até para o jardineiro.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Este conteúdo está protegido por direitos autorais.