Connect with us

Notícias

Após quatro vitórias seguidas, XV perde e segue na vice-liderança do campeonato

Fernanda Maestro

Published

on

O XV de Piracicaba entrou em campo na noite desta segunda-feira (18), já classificado para as quartas de final do Paulistão A2, mas com alguns objetivos ainda a serem alcançados nessa primeira fase. Um deles, era a vitória sobre o Juventus, no Barão da Serra Negra, o que faria a equipe assumir a liderança da competição. Após sair para o intervalo vencendo, com um gol do zagueiro Gilberto Alemão, porém, o Nhô Quim sofreu a virada no segundo tempo.

Foto: Michel Lambstein

Os gols do atacante Romarinho e do lateral-esquerdo Roger deixaram o Alvinegro na vice-liderança, com 23 pontos somados, ao término da 12ª rodada. Os comandados do técnico Tarcísio Pugliese vão em busca dessa meta na próxima quinta-feira, 21, às 15h00, quando encaram o Votuporanguense, na Arena Plínio Marin, em Votuporanga. Para este confronto, já é certa a ausência do atacante Misael, que recebeu o terceiro cartão amarelo no torneio.

O jogo

Empurrado por mais de quatro mil pessoas que compareceram ao estádio municipal de Piracicaba, o XV conseguiu abrir o placar aos 24 minutos de partida. Misael, em mais uma assistência para gol nesse estadual, cobrou falta lateral na área e Gilberto Alemão, de cabeça, fez 1 a 0. Os visitantes tentaram a resposta imediata, em chute de fora da área de Roger. Fábio Toth espalmou. Aos 30 minutos, Potiguar bateu falta da entrada da área e a bola passou perto.

Um duelo constante no jogo foi entre Ítalo e Paulo Vitor. Aos 33 minutos, por exemplo, o atacante quinzista ganhou em velocidade, invadiu a área, mas o goleiro saiu e fechou bem o ângulo. Quatro minutos depois, o arqueiro juventino nada pôde fazer depois que Misael deu um passe na cabeça de Ítalo. A bola passou raspando a trave direita. Outro embate entre os personagens foi aos 43 minutos. O atacante arrematou de pé direito e Paulo Vitor espalmou.

A segunda etapa teve um aspecto diferente, com o time da capital levando a melhor. O gol de empate saiu aos 15 minutos. Adilson fez bela jogada individual dentro da grande área e bateu cruzado. Romarinho só completou: 1×1. Os donos da casa quase voltaram a figurar na frente do marcador aos 17 minutos. Misael levantou na medida para Kadu Barone, na segunda trave. Após cabeçada, a bola passou próxima à trave direita do goleiro.

A equipe da Mooca, entretanto, fez o segundo aos 19 minutos. Cesinha tomou a bola na saída de jogo do Alvinegro, chegou ao fundo e rolou para trás, para Roger, que “encheu o pé” e marcou. O XV tentou o empate até o fim e teve algumas chances, como aos 22 minutos. Misael cobrou escanteio, Airton Junior cabeceou e a bola sobrou para Bruno Lima, que, também de cabeça, mandou por cima. A última delas foi aos 47 minutos. Danilo Bueno cobrou falta, da entrada da área, na barreira e Bruno Lima tentou duas vezes no rebote. Na segunda tentativa, a bola desviou na defesa e passou com perigo, à esquerda do gol.

Foto: Michel Lambstein

Jornalista formada pela Universidade Metodista de Piracicaba. Trabalhou em campanhas políticas e estagiou na Câmara de Vereadores de Piracicaba. Atualmente, integra a equipe dos jornais PIRANOT e PORJUCA.

error: Este conteúdo está protegido por direitos autorais.