Connect with us

Campinas

Policial militar morto dentro do Batalhão de Campinas pelo próprio colega é identificado

Rafael Fioravanti

Published

on

Conforme o PIRANOT noticiou em primeira mão, na tarde desta segunda-feira (23), um homicídio aconteceu por volta das 14h dentro do 47º Batalhão de Polícia Militar do Interior, em Campinas (SP). Na ocasião, um policial militar matou um colega de farda com pelo menos quatro tiros. O motivo do crime ainda é desconhecido.

Foto: Facebook.

A vítima é o soldado Thiago de Camargo Machado. Ele tinha 34 anos, era casado e deixa uma filha pequena. O policial chegou a ser socorrido até o Hospital Municipal Dr. Mário Gatti, mas não resistiu aos ferimentos e entrou em óbito. Ele foi sepultado na manhã desta terça-feira (24), no Cemitério da Saudade, em Campinas.

Policiais informaram ainda que, após a ação, o soldado Cleber Avelino, de 37 anos, autor dos disparos, se rendeu na hora. Um policial que é psicólogo chegou a conversar com Avelino, porém o motivo do crime ainda não foi divulgado.

Avelino foi levado ao Presídio Romão Gomes, em São Paulo, onde segue detido.

A corregedoria da PM irá apurar o caso.

Rafael é formado em jornalismo (comunicação social) pela Universidade Mackenzie, em São Paulo. Possui experiência em redações e editoras literárias. Integra a equipe do Jornal PIRANOT desde dezembro de 2017.

1 Comment

1 Comment

  1. Avatar

    ERICA CRAUZE

    25 de setembro de 2019 at 12:13

    TIRARAM A ÚNICA LINHA DE ONIBUS O NOIVA DA COLINA QUE FAZIA O BAIRRO VILA MONTEIRO O ONIBUS PARAVA EM TODOS OS PONTOS TANTO PARA ENTRAR PASSAGEIROS DESTINO AO CENTRO QUANTO DESCER PASSAGEIROS QUE TRABALHA NAQUELA REGIÃO UM ABSURDO SERÁ QUE VCS PODEM NOS AJUDAR PARA QUE VOLTE A ESSA LINHA POIS OS TRABALHADORES ESTÃO SENDO PREJUDICADOS POR ISSO

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Este conteúdo está protegido por direitos autorais.