Isolamento social sobe de 47% para 57% em SP, diz gestão Doria

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O índice de isolamento social no estado de SP na sexta-feira (10) foi de 57%, de acordo com boletim divulgado pelo governo João Doria (PSDB).

Isolamento social sobe de 47% para 57% em SP, diz gestão Doria
Foto: Fotoarena/Folhapress

O percentual aumentou no primeiro dia do feriado prolongado de Páscoa, segundo o monitoramento do governo. Na quinta (9), segundo o boletim, houve 47% de isolamento – na quarta (8), foi de 50%.

A meta do governo é que o estado atinja 70% de isolamento, índice que o estado nunca atingiu. Doria disse na noite de quinta-feira (9) que pode publicar um novo decreto na próxima semana caso o número de pessoas cumprindo o isolamento social não aumente.

Segundo o infectologista Julio Croda, do centro de contingência do governo de SP, entre 50% e 70%, o estado ainda conseguiria suprir os leitos de UTI necessários. Se menos da população aderir ao isolamento, como tem acontecido, o sistema hospitalar de SP pode colapsar.

Nesta semana, o estado passou a ter metade dos 12,5 mil leitos de UTI ocupados.

A central analisa o movimento de telefones celulares da população, em uma parceria com as centrais telefônicas. Assim, é possível apontar em quais regiões a adesão à quarentena é maior e em quais as campanhas de conscientização precisam ser intensificadas, inclusive com apoio das prefeituras. No momento, porém, há acesso a dados referentes a 40 cidades, número que deve subir gradualmente.

Informar Erro
Leia também