Filho apanha na escola e pais levam sobrinho para bater em agressor

Pais de um aluno de 13 anos, que foi agredido na última sexta-feira (29), levaram na tarde desta segunda-feira (1º) o sobrinho de 16 anos, para bater no agressor do filho em uma escola estadual, na Vila Labaki, em Limeira (SP).

Foto: Guarda Civil Municipal

A Guarda Civil Municipal (GCM) foi informada de que um aluno de uma escola estadual teria sido agredido e estava ferido. Os guardas seguiram até o local e se depararam com um adolescente, de 15 anos, com ferimentos no ombro e nas costas.

O estudante alegou que na última sexta-feira (29) teve um desentendimento com outro aluno, chegando a agressão, e hoje ao sair da escola, se deparou com a mãe e o pai do aluno, além de outro adolescente e tiveram uma discussão.

Segundo o garoto, o casal e o sobrinho começaram agredi-lo com socos e pontapés. O adolescente teria caído e as agressões não teriam cessado.

O caso foi encaminhado à Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), onde foram ouvidos e liberados.

Foi registrado um TCO (Termo Circunstanciado de Ocorrência) Lesão Corporal e será aberto um inquérito para apurar os fatos.

Informar Erro

- Continue depois do anúncio -

Leia também

“Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência. Ao utilizar nossos serviços, você concorda.” Prosseguir Mais detalhes