Connect with us

Campinas

Em Campinas, garçonete denuncia supermercado por discriminação racial

Redação - PIRANOT / PORJUCA

Published

on

Uma garçonete de 48 anos registrou um boletim de ocorrência por discriminação racial após ser acusada injustamente de furtar o supermercado Walmart, no Parque D. Pedro Shopping, em Campinas (SP).

Foto: Divulgação

O fato ocorreu no dia 06 de fevereiro, mas ganhou repercussão após o irmão da vítima postar um vídeo gravado pelo gerente da mesma durante a revista. Os seguranças do mercado e do shopping revistaram a bolsa dela, ela chegou a falar que não é bandida e que não tinha furtado nada, mas de nada adiantou.

No boletim ela afirma que acredita que o ato de se abaixar para procurar a carteira na bolsa, depois de passar pelo caixa, e o fato de ser negra, foram o que motivaram a acusação de furto e a abordagem, que aconteceu já no ponto de ônibus. Depois, ela foi levada novamente para dentro do estabelecimento.

O B.O. foi registrado no mesmo dia no 4º DP de Campinas. Agora, foi encaminhado para a 1ª Delegacia da Mulher (DDM) de Campinas, onde será investigado.

Notas

Walmart – “Informamos que houve um erro gravíssimo no procedimento adotado com a Sra. Silvana Bueno Pereira, na loja D. Pedro, Campinas, no início de fevereiro. A postura do nosso funcionário, que já não faz mais parte do quadro, não condiz com a nossa conduta. Repudiamos veementemente qualquer ato de desrespeito e discriminação. A empresa esteve em contato com a Sra. Silvana, colocando-se à sua disposição para toda assistência necessária nesse momento. Reconhecemos que a falha recai sobre toda a empresa e entendemos que, em função desse fato, fica claro que alguns ajustes são necessários. Para tanto, estamos em contato com consultores especializados em questões ligadas ao tema para que possamos aprimorar os treinamentos de conduta para funcionários, a fim de que casos como esse não voltem a acontecer. Por fim, reiteramos que não aceitamos situações como essa, continuaremos a trabalhar fortemente para que elas não mais aconteçam e reforçamos nossos pedidos de desculpas a Sra. Silvana.”

Dom Pedro – “O Parque D. Pedro Shopping informa que repudia qualquer tipo de desrespeito aos seus frequentadores e que afastou o funcionário terceirizado que acompanhou a ocorrência. Informa ainda que investe continuamente no aprimoramento das suas equipes, bem como no compartilhamento de boas práticas com as equipes terceirizadas e das lojas.”

Foto: Divulgação

Fundado em 18 de novembro de 2011, o Jornal PIRANOT é uma marca da Empresa Júnior Cardoso LTDA. Aqui, notícias de Piracicaba são prioridades. Confira tudo o que acontece de mais importante na cidade em tempo real. Jornalismo 24 horas de plantão.

error: Este conteúdo está protegido por direitos autorais.