Connect with us

Americana

Pai joga filha na parede durante briga de casal

Junior Cardoso

Published

on

Foto: Divulgação / Secretaria de Saúde de Americana

Foto: Divulgação / Secretaria de Saúde de Americana

Um ajudante geral de 32 anos foi preso pela Polícia Militar após bater na esposa e na filha de seis meses. Segundo o Boletim de Ocorrência, a menina foi arremessada contra a parede.

O crime ocorreu na Praia Azul, em Americana, na noite de segunda-feira (22).

A mulher do homem, que trabalha como cozinheira, relatou aos policiais que por volta das 23h40 pediu dinheiro para ele para pagar o alugar de uma outra casa onde ela iria morar com o bebê e mais duas crianças de cinco e nove anos. O casal tinha se separado verbalmente no final de semana. Ainda segundo a mulher, o ajudante teria ficado irritado e batido nela. Nesse momento, o homem teria pego a filha pelos pés e jogou em direção à cozinheira, só que o bebê acabou batendo a cabeça contra a parede.

A criança foi socorrida até o Hospital Infantil André Luiz, onde ficou internada em observação.

Para a PM o homem contou que chegou em casa ás 20h30 e não encontrou a mulher que estaria com os filhos em um bar. Ela teria chegado às 23h40 quando pediu o dinheiro e ele teria dito que não tinha. O ajudante contou ainda que a mulher teria ficado irritada com a negativa e jogado um copo de pinga em sua cara.

Diante dos fatos, a polícia civil autuou o ajudante em flagrante por violência doméstica, lesão corporal, vias de fato e ameaça. Ele pagou fiança de R$ 788 e vai responder em liberdade.

Diretor, editor chefe e jornalista do PIRANOT. Começou a trabalhar em 2007, aos 14 anos, quando lançou seu primeiro blog na internet. Em 2011, criou o PIRANOT e fez parte, por três anos, de um programa da extinta TV Beira Rio. Estudou jornalismo na UNIMEP e assessoria de imprensa no SENAC. Fez estágio na Câmara de Vereadores e teve passagens por duas rádios de Piracicaba.

error: Este conteúdo está protegido por direitos autorais.