Connect with us

Polícia

Mãe mata o filho de nove meses em Rio Claro e acaba presa

.

Redação - PIRANOT / PORJUCA

Published

on

Um crime chocante foi registrado nesta quinta-feira (27), em Rio Claro, onde uma mãe de 25 anos foi presa acusada de matar o filho, um bebê de nove meses, asfixiado. O caso aconteceu no Jardim Panorama.

Segundo a polícia, a mulher usou travesseiros para asfixiar o bebê. Eles foram apreendidos e levados para perícia.

Em depoimento, a “mãe” confessou o crime e disse que matou o filho porque não aguentava mais apanhar do namorado, que não era o pai da criança, e que não queria que ele crescesse convivendo com a situação. O rapaz está solto e, de acordo com a polícia, não tem participação no crime.

O homicídio ocorreu por volta da meia noite. A polícia desvendou o crime após funcionários de uma UPA relatar que, uma hora antes da criança dar entrada, uma ligação foi recebida. Nela, uma mulher calma pedia informação sobre como reanimar uma criança.

A vítima foi levada a mesma UPA pelo padrastro. Os médicos tentaram reanimá-la por 20 minutos, mas sem sucesso. A mãe não foi encontrada no local na hora do aviso do óbito.

Nesta quinta-feira, policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) foram até a casa da mãe da criança para levantar mais informações sobre o caso. Ela negou o assassinato, mas foi levada para a delegacia e acabou confessando o crime.

Fundado em 18 de novembro de 2011, o Jornal PIRANOT é uma marca da Empresa Júnior Cardoso LTDA. Aqui, notícias de Piracicaba são prioridades. Confira tudo o que acontece de mais importante na cidade em tempo real. Jornalismo 24 horas de plantão.

error: Este conteúdo está protegido por direitos autorais.