Connect with us

Esporte

Situação Financeira do Santos Após 30 dias do Coronavírus

Redação - PIRANOT / PORJUCA

Published

on

Por conta da paralisação dos torneios de futebol em todo o país, devido à gravidade da pandemia do Coronavírus (Covid-19), muito se tem falado sobre o que o Santos Futebol Clube vem fazendo para driblar as dificuldades do momento não só com seus jogadores, mas também com os seus sócios. Atualmente, o Santos possui 24.282 associados com mensalidades em dia e cadastro. Saiba, no artigo abaixo, o que acontece nos bastidores do Santos.

Situação Financeira do Santos Após 30 dias do Coronavírus

Foto: Ivan Sartori / Santos FC

A nota oficial divulgada pelo Santos diz que todos os jogadores tiraram férias coletivas nesta quarta-feira (01). As férias se estenderão até o dia 20 de abril e poderão ser prorrogadas por dois cruciais fatores: primeiro, necessidades do clube; segundo, em caso de permanência deste estado de calamidade.

Situação Financeira do Santos com os Jogadores

Na negociação coletiva, os representantes dos jogadores recusaram duas propostas do clube que falavam em suspensão salarial após os 20 dias de férias: a primeira de 50% e a segunda de 25%. Os clubes ficaram livres tanto para seguirem a recomendação de conceder férias quanto para negociarem essa questão salarial diretamente com seus jogadores. A nota do Santos afirma que o mês de abril será pago no quinto dia útil do mês de maio, abrindo a possibilidade de negociação em relação ao parcelamento desses valores. Já o terço adicional sobre as férias será pago até dezembro.

Situação Financeira do Santos com os Funcionários

Os funcionários da área de Recursos Humanos do clube e do Setor Administrativo não entrarão em recesso. Eles continuarão trabalhando, porém em sistema home-office — ou seja, de suas casas.

Campeonato Estadual Voltará a Ser Disputado em 2020?

Para que o campeonato estadual volte a ser disputado, primeiro é necessário que o governo estadual autorize a retomada do futebol. Alguns clubes do interior já solicitaram à Federação Paulista de Futebol (FPF) a vontade de retomar as partidas sem torcida em campo. Apesar da ideia ser aceitável (por evitar aglomerações), vale frisar que ainda assim é necessário autorização do governo estadual.

Situação do Campeonato Brasileiro até o Momento

Com todas as competições suspensas por conta da pandemia do coronavírus (Covid-19), os clubes e também a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) estão debatendo o rumo do calendário do futebol brasileiro. Até o momento, ainda não há uma estimativa de quando os jogos recomeçarão. Apesar das incertezas do momento — em parte por conta da dificuldade de precisar uma data para que a pandemia acabe e as coisas voltem ao normal em todo o país — uma coisa é certa: as datas não devem invadir a temporada 2021. As datas e compromissos da temporada 2021 serão preservadas. Assim que tudo normalizar, a prioridade será concluir os campeonatos estaduais e a Copa do Brasil.

Um dos motivos de os times e da própria CBF não querer alterar em nada o calendário 201 será, em parte, por conta dos patrocinadores. O calendário 2021 já envolve acordos fixos e as emissoras transmissoras em torno do número de datas e período das competições. Por isso, qualquer alteração traria grandes prejuízos a todos os envolvidos.

O Santos conseguirá pagar suas contas neste mês de abril?

É importante frisar que os clubes que ainda estão na Libertadores — como é o caso do Santos — podem ainda pedir à Conmebol uma antecipação de 60% dos prêmios de participação na fase de grupos, o que equivale a cerca de R$ 9 milhões de reais. Isso, por si só, já garante ao clube um pouco de fôlego financeiro.

Até a paralisação do futebol, o Santos liderava o Grupo A do Campeonato Paulista com 15 pontos em dez partidas disputadas. Na Libertadores, a equipe tinha o primeiro lugar no Grupo G, com duas vitórias obtidas.

Fundado em 18 de novembro de 2011, o Jornal PIRANOT é uma marca da Empresa Júnior Cardoso LTDA. Aqui, notícias de Piracicaba são prioridades. Confira tudo o que acontece de mais importante na cidade em tempo real. Jornalismo 24 horas de plantão.