Com mais de 70% das UTI’s ocupadas, Piracicaba transfere pacientes para a região

Com mais de 70% dos leitos de UTI ocupados, Piracicaba começou a transferir pacientes para a região. A informação foi dada nesta noite (08), ao PIRANOT pelo secretário municipal de saúde Pedro Mello na coluna “Live PIRANOT“, no Instagram do jornal.

Com mais de 70% das UTI's ocupadas, Piracicaba transfere pacientes para a região
Foto: PIRANOT

Segundo o secretário, a cidade está se preparando para o crescimento dos casos. “Amanhã deve chegar mais três respiradores e transformaremos a UPA da Vila Rezende em um local de internação de pacientes com COVID“, contou. “Ela trabalhará de portas fechadas e quem precisar de atendimento por outras doenças poderá buscá-lo nas UPA’s Vila Sônia e Vila Cristina”, completou.

Questionado sobre a transferência de pacientes para cidades da região, Pedro Mello descartou alguns boatos como a construção de um hospital de campanha no Estádio Municipal Barão de Serra Negra. “Estamos nos preparando para que todos tenham a melhor qualidade possível no atendimento. Temos um acordo com algumas cidades, São Pedro é uma delas, e temos lá cinco leitos disponíveis”.

Ainda segundo o secretário, não foi cogitada ainda a possibilidade de que pacientes de Piracicaba sejam levados para o hospital de campanha na cidade de São Paulo, como começou a fazer Campinas.

Na live, o secretário falou dos números de ocupação de leitos na cidade, desmentiu que a Prefeitura de Piracicaba esteja recebendo dinheiro para atestar positivo, falou do combate a dengue e ao H1N1, doenças normais para esta época do ano.

A entrevista foi conduzida pelo diretor do Jornal PIRANOT, Júnior Cardoso. Assista a seguir:

 

 

Ver essa foto no Instagram

 

Doutor Pedro Mello foi o entrevistado de hoje da Live PIRANOT. Assista!

Uma publicação compartilhada por PIRANOT (@piranot) em

Informar Erro

- Continue depois do anúncio -

Leia também

“Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência. Ao utilizar nossos serviços, você concorda.” Prosseguir Mais detalhes