Connect with us

Notícias

Caso Isis Helena: polícia fará busca por corpo em represa

Redação - PIRANOT / PORJUCA

Published

on

A Polícia Civil de Itapira deve fazer nos próximos dias buscas pelo corpo da bebê Isis Helena, desaparecida há mais de uma semana, em uma represa de extração de barro de uma cerâmica desativada. O local é usado para a desova de corpos.

Foto: Reprodução

Segundo o programa “Cidade Alerta”, da Record, cães farejadores sentiram o cheiro da mãe de Isis durante as buscas em uma fábrica desativada. A família justifica que ela foi ao local procurar a filha logo após o sumiço. A mulher deve ser ouvida pela 05° vez. Na última, a polícia tentou um acordo de confissão e revelação de onde estava o corpo da criança, mas sem sucesso.

Nos últimos dias, imagens de diversas câmeras de segurança da cidade foram coletadas e serão analisadas.

Toalha

Em entrevista ao “Cidade Alerta”, a bisavó materna disse ter encontrado uma toalha que não pertence a família em sua casa. Ela acredita que o pano é da pessoa que raptou Isis Helena.

Suspeita da namorada

A namorada do pai de Isis Helena teria chamado a menina de “retardada”. A família materna levanta suspeita contra a mulher, mas ela não é investigada no caso.

A família materna, no entanto, é investigada e por isso não está recebendo informações da polícia.

“Querem que minha filha confesse. Dizem que sabem de tudo”, disse a avó da criança também ao “Cidade Alerta”.

Fundado em 18 de novembro de 2011, o Jornal PIRANOT é uma marca da Empresa Júnior Cardoso LTDA. Aqui, notícias de Piracicaba são prioridades. Confira tudo o que acontece de mais importante na cidade em tempo real. Jornalismo 24 horas de plantão.