Connect with us

Big Brother Brasil

Mahmoud é eliminado com 57,23% dos votos e fala de ingenuidade

.

Published

on

O brother Mahmoud foi o eliminado de ontem (6), do Big Brother Brasil, com 57,23% de votos.

Foto: Reprodução

Apesar de sua passagem pelo programa da Rede Globo ter sido controversa — com muitos amando-o e outros odiando-o –, o brother Mahmoud comentou que se deu mal por conta de ingenuidade.

“As pessoas acham que foi burrice matemática, então [gostaria de dizer] que sou muito bom em matemática”, comentou ele nesta manhã de quarta, durante entrevista à apresentadora Ana Maria Braga, do Mais Você. “Eu esperava que o voto da Jéssica fosse diferente e eu queria manter minha palavra. Queria votar nos meninos, foi birra mesmo. Queria votar em quem me estressa mais, principalmente o Caruso. Foi mais ingenuidade que erro de matemática”.

Mahmoud comentou também que seu desgaste emocional somado à má relação com alguns participantes — em especial, com o Caruso — contribuiu muito para que ele “jogasse a tolha”.

“Eu não aguentava mais. Estar no Paredão é muito desgastante, não conseguia mais brigar. Como só sigo o coração, não enxergava aquilo como um jogo. Eu desestabilizo rápido, acredito que as emoções devem ser expressas. Quero paz, deixa R$ 1,5 milhão para quem tem paciência. [O Caruso] vai ficar mais algumas semanas lá, não vai ganhar o prêmio (que é o objetivo dele), e vai sair rejeitado”.

Dentro da casa…

Na madrugada desta quarta (7), Caruso comemorava a eliminação de Mahmoud. “Já saiu meu rival, agora o que vier para mim é lucro”, comentou ele na área externa da casa global.

E ele foi além. “Eu sei que se eu saísse antes do programa, minha galera ia me zoar até o resto da minha vida. Os caras iam falar: ‘c******, Caruso, você não consegue nem tirar o mano do programa. Por que você não deu logo uma bifa?’ Iam me zoar pro resto da vida. Agora eu tô de boa. Agora eu posso ir embora tranquilo, porque se alguém vier me zoar, eu pelo menos tirei quem eu queria.”

Rafael Fioravanti é formado em jornalismo (comunicação social) pela Universidade Mackenzie, em São Paulo. Possui experiência em redação e integra a equipe do Jornal PIRANOT desde dezembro de 2017.