Campanha de vacinação contra gripe em Piracicaba atingiu só metade da meta

A campanha de vacinação contra a gripe em Piracicaba imunizou, até o momento, 46,08% dos grupos prioritários — o equivalente a 39.024 pessoas. A meta fixada pelo Ministério da Saúde (MS) é de vacinar ao menos 90%. Levando em consideração que a campanha vai até o dia 01 de junho, isso significa que apenas metade da meta foi atingida em Piracicaba.

Desde o dia 23 de abril, 51.539 pessoas receberam a dose da vacina.

No sábado (19 de maio), dia em que a campanha de vacinação se intensificou pela zona rural do município, 883 pessoas foram vacinadas contra a gripe. Foram aplicadas ainda mais 209 doses da vacina contra a febre amarela.

Reta final

Como a campanha de vacinação vai só até 1 de junho, vale lembrar que 68 unidades da Atenção Básica do município estão aplicando, de segunda a sexta,  a vacina.

Nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), a vacina pode ser tomada das 08h às 15 horas. O mesmo vale para os Centros de Referência em Atenção Básica (CRAB), exceto o da Paulista.  Já nas Unidades de Saúde Familiar (USF), a vacina pode ser tomada das 08h às 16 horas.

Quem ainda não tomou a vacina, deve procurar rápido um posto de saúde, visto que, com a chegada do inverno, a tendência é que haja aumento nos casos de doenças respiratórias. O alerta é da Secretaria de Saúde de Piracicaba.

Sobre a doença:

A gripe é uma doença respiratória causada pelo vírus influenza e sua transmissão se dá através do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. A transmissão pode acontecer também por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com a boca, olhos e nariz.

Os sintomas mais comuns da gripe são febre, dores no corpo e mal estar. Quem for acometido por algum desses sintomas, deve procurar um médico. Nunca se automedique.

A gripe pode matar e traz perigo a crianças, idosos e doentes crônicos.

Quem pode ser vacinado:

  • Crianças de seis meses a cinco anos de idade;
  • Gestantes (em qualquer idade gestacional);
  • Puérperas (mulheres no período até 45 dias pós o parto);
  • Trabalhador de Saúde (serviços públicos e privados, nos diferentes níveis de complexidade);
  • Professores (todos das escolas públicas e privadas);
  • Indivíduos com 60 anos ou mais de idade;
  • Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas;
  • População privada de liberdade e funcionários do sistema prisional.

Foto: Prefeitura de Piracicaba.

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região em tempo real? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 23/05/2018|

8,685 pessoas foram vacinadas em Piracicaba contra a gripe no sábado (12)

No sábado, 12 de maio (dia que ficou conhecido como o Dia D de combate à gripe), 8.685 doses da vacina foram aplicadas aqui no município de Piracicaba. Simultaneamente, outras 1.539 pessoas foram imunizadas contra a febre amarela. Com esse número, a cobertura geral para a gripe chegou a 37,92%.

Foto: Arquivo

Segundo informações divulgadas pela Prefeitura de Piracicaba, foram vacinados 22.805 idosos, correspondente a 49,34% de cobertura; 5.436 profissionais da saúde, com 44,34% de cobertura; e 2.907 crianças de seis meses a quatro anos de idade, totalizando cobertura de 13,54%.

Ainda não tomou a vacina?

Quem não tomou a vacina, ainda tem tempo para tomá-la. Ao todo, Piracicaba dispõe de 68 unidades da Atenção Básica na zona urbana atendendo de segunda a sexta-feira. Os Centros de Referência em Atenção Básica (CRAB) e Unidades Básicas de Saúde (UBS) atendem das 08h às 15 horas. Já as Unidades de Saúde da Família (USF) atendem das 08h às 16 horas. A campanha de vacinação contra a gripe vai até o dia 01 de junho de 2018.

Sobre a doença:

A gripe é uma doença respiratória causada pelo vírus influenza e sua transmissão se dá através do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. A transmissão pode acontecer também por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com a boca, olhos e nariz.

Os sintomas mais comuns da gripe são febre, dores no corpo e mal estar. Quem for acometido por algum desses sintomas, deve procurar um médico. Nunca se automedique.

A gripe pode matar e traz perigo a crianças, idosos e doentes crônicos.

Quem pode ser vacinado:

  • Crianças de seis meses a cinco anos de idade;
  • Gestantes (em qualquer idade gestacional);
  • Puérperas (mulheres no período até 45 dias pós o parto);
  • Trabalhador de Saúde (serviços públicos e privados, nos diferentes níveis de complexidade);
  • Professores (todos das escolas públicas e privadas);
  • Indivíduos com 60 anos ou mais de idade;
  • Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas;
  • População privada de liberdade e funcionários do sistema prisional.

Quem não pode ser vacinado:

A vacina é contraindicada para pessoas com história de reação anafilática prévia em doses anteriores bem como a qualquer componente da vacina.

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região em tempo real? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 16/05/2018|

SAMU de Piracicaba terá sua frota de ambulâncias 100% renovada

O SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) está tendo sua frota de ambulâncias renovada aos poucos. No dia 30 de abril, o Ministério da Saúde publicou no Diário Oficial da União o Extrato de Termo de Doação 221/2018, que garante a doação de mais três ambulâncias zero quilômetros à Secretaria de Saúde de Piracicaba para renovação da frota do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). A doação das três ambulâncias novas é de aproximadamente R$ 530 mil.

Foto: Prefeitura de Piracicaba.

Segundo Bento Dias Gonzaga Filho, coordenador do Sistema Integrado de Transportes da Secretaria de Saúde (Sitts), a expectativa é de buscar as ambulâncias ainda esta semana. “Depois disso, precisamos de um tempo para colocar a documentação dos veículos em dia, antes de colocá-los em operação”, explicou o coordenador.

Para Dr Pedro Mello, secretário de Saúde do município, a renovação da frota é importante, visto que há mais de cinco anos a cidade não recebia nenhuma unidade de reposição, o que desgastou bastante os veículos em uso. “Estivemos várias vezes em Brasília conversando com representantes do Ministério da Saúde e a renovação da frota do SAMU era uma das solicitações que apresentamos”, comentou ele. “Com a estrutura móvel em dia, temos condições agora de melhorar ainda mais nosso atendimento à população e reduzir os custos com manutenção”.

Com a reposição, o SAMU de Piracicaba conta, agora, com cinco ambulâncias básicas novas e uma UTI (Unidade de Tratamento Intensivo). Detalhe a ser levado em consideração é que a UTI foi adquirida com recursos municipais. A Saude do município possui ainda outros veículos usados que ficarão na reserva, caso haja algum acidente com os automóveis que estão em uso.

“A demanda por transporte de pacientes tem crescido muito nos últimos anos”, finaliza Pedro Mello. “Para que possamos oferecer um atendimento de qualidade, precisávamos de uma frota qualificada. As novas ambulâncias e os novos veículos adquiridos com recursos da prefeitura vão dar mais tranquilidade ao serviço”.

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região em tempo real? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 16/05/2018|

Vacinação antirrábica começa neste sábado (12) na zona rural de Piracicaba

O Centro de Controle de Zoonoses começa neste sábado (12) a campanha de vacinação contra a raiva em cães e gatos da zona rural de Piracicaba. A imunização será durante a semana e aos sábados, e vai até o dia 14 de julho.

Foto: Divulgação.

A meta é vacinar cerca de 11.000 animais em toda a zona rural de Piracicaba. Já na área urbana, a campanha está prevista para começar no mês de setembro.

Durante a vacinação antirrábica na zona rural, três equipes trabalharão com vacinadores treinados. A vacina é segura, eficiente, e além disso, todo o material utilizado é totalmente descartável.

Cães e gatos a partir dos três meses de idade já podem receber a vacina. Animais gestantes devem esperar o desmame total dos filhotes. Já animais doentes, em fase de tratamento ou debilitados deverão aguardar a total recuperação para tomar a vacina (nesses casos, é bom consultar também o veterinário).

Se, por algum motivo, o animal não puder ser vacinado durante a campanha, a aplicação da vacina antirrábica poderá ser feita de segunda a sábado, das 08h às 15 horas, na própria sede do Centro de Controle de Zoonoses. A sede está situada à Rua dos Mandis, s/nº, no bairro Jupiá. Os telefones para contato são (19) 3427-2721 e (19) 3427-2400. Na unidade, a vacinação pode ser feita durante todo o ano.

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 11/05/2018|

Dia de vacinação contra a gripe acontece neste sábado (12), em Piracicaba

Ocorre neste sábado (12), em Piracicaba, o dia de vacinação contra a gripe. O evento é uma campanha nacional, e, aqui em Piracicaba, 54 equipes estarão distribuídas entre postos fixos (37) e volantes (17). A vacinação poderá estar sendo feita das 08h às 17 horas.

Foto: Divulgação.

Quem deve tomar a vacina contra a gripe?

  • Crianças de seis meses a cinco anos de idade;
  • Trabalhadores da saúde;
  • Gestantes;
  • Puérperas (mulheres até 45 dias pós parto);
  • Pessoas com 60 anos ou mais de idade;
  • Pessoas com comorbidades (pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais independente da idade, com apresentação de carta médica ou receita);
  • Privados de Liberdade (SAP, cadeia e fundação Casa);
  • Professores da rede pública e privada.

A vacinação dos grupos prioritários é fundamental como estratégia de prevenção e redução da ocorrência da doença, internações e óbitos.

Confira abaixo todos os postos volantes e fixos que abrem neste sábado, 12 de maio:

Foto: Divulgação.

No dia 19 de maio, a vacinação se intensificará para a zona rural.

Sobre a doença:

A gripe é uma doença respiratória causada pelo vírus influenza e sua transmissão se dá através do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. A transmissão pode acontecer também por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com a boca, olhos e nariz.

Os sintomas mais comuns da gripe são febre, dores no corpo e mal estar. Quem for acometido por algum desses sintomas, deve procurar um médico. Nunca se automedique.

A gripe pode matar e traz perigo a crianças, idosos e doentes crônicos.

Efeitos colaterais pós-vacinação:

A vacina influenza sazonal tem um perfil de segurança excelente e é bem tolerada. A dose é constituída por vírus inativados, ou seja, vírus mortos não causadores da doença. Problemas respiratórios pós-vacina — como gripe e resfriado — não há relação alguma com a vacina.

Em suma, a vacina não dá gripe.

  • Efeitos colaterais locais: dor, edema, eritema ou nódulos no local da aplicação, em 15 a 20% dos casos, geralmente resolvidos em 48 horas;
  • Efeitos colaterais endêmicas: febre, mal-estar e mialgia em cerca de 1% dos vacinados. Iniciam habitualmente de seis a 12 horas após a aplicação, com duração de um ou dois dias.

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 10/05/2018|

Começa em Piracicaba a campanha de vacinação contra a gripe

Teve início ontem (23), em Piracicaba, a Campanha Nacional Contra a Gripe (Influenza). A campanha foi sediada no Lar dos Velhinhos e está programada para durar até o dia 01 de junho.

Foto: Prefeitura de Piracicaba.

Por ora, a vacina está sendo aplicada apenas em profissionais da saúde e em pessoas com 60 anos ou mais. Ao todo, 68 unidades da Atenção Básica estão atendendo na zona urbana de segunda a sexta. Os Centros de Referência em Atenção Básica (CRAB) e as Unidades Básicas de Saúde (UBS) estão vacinando das 08h às 15 horas; já as Unidades de Saúde Familiar (USF) atendem das 08h às 16 horas. Vale lembrar que a CRAB da Paulista não está aplicando a vacina.

A partir do dia 02 de maio, o público-alvo será ampliado para crianças, gestantes e puérperas (mulheres no período de 45 dias após o trabalho de parto). Já em 09 de maio, a vacina passará a ser aplicada também em pessoas com comorbidades e em professores da rede pública e privada.

No dia 12 de maio, tem-se início a vacinação em toda a área zona urbana do município. Nesse período, 37 postos fixos e 18 volantes estarão espalhados em pontos estratégicos de toda a cidade para a aplicação da vacina. No dia 19 de maio, a vacinação será estendida à área rural do município.

Público-alvo para a vacinação:

  • Crianças entre seis meses e cinco anos de idade;
  • Gestantes (em qualquer idade gestacional);
  • Puérperas (mulheres até 45 pós o parto);
  • Trabalhador da saúde (serviços públicos e privados, nos diferentes níveis de complexidade);
  • Professores (todos de escolas públicas e privadas);
  • Povos indígenas;
  • Indivíduos com 60 anos de idade ou mais;
  • Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade, sob medidas socioeducativas;
  • População privada de liberdade e funcionários do sistema prisional;
  • Pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, independente da idade.

A vacinação dos grupos prioritários é fundamental como estratégia de prevenção e redução da ocorrência da doença, internações e óbitos. A expectativa da Secretaria de Saúde, seguindo orientações do Ministério da Saúde (MS), é vacinar 76.200 pessoas durante toda a campanha, equivalente a 90% do público-alvo, que totaliza 84.600 pessoas.

Quem não pode ser vacinado?

A vacina é contraindicada a pessoas com história de reação anafilática prévia em doses anteriores, bem como a qualquer componente da vacina.

Sobre a doença:

A gripe é uma doença respiratória causada pelo vírus influenza e sua transmissão se dá através do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. A transmissão pode acontecer também por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com a boca, olhos e nariz.

Os sintomas mais comuns da gripe são febre, dores no corpo e mal estar. Quem for acometido por algum desses sintomas, deve procurar um médico. Nunca se automedique.

A gripe pode matar e traz perigo a crianças, idosos e doentes crônicos.

Efeitos colaterais pós-vacinação:

A vacina influenza sazonal tem um perfil de segurança excelente e é bem tolerada. A dose é constituída por vírus inativados, ou seja, vírus mortos não causadores da doença. Problemas respiratórios pós-vacina — como gripe e resfriado — não há relação alguma com a vacina.

Em suma, a vacina não dá gripe.

  • Efeitos colaterais locais: dor, edema, eritema ou nódulos no local da aplicação, em 15 a 20% dos casos, geralmente resolvidos em 48 horas;
  • Efeitos colaterais endêmicas: febre, mal-estar e mialgia em cerca de 1% dos vacinados. Iniciam habitualmente de seis a 12 horas após a aplicação, com duração de um ou dois dias.

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 24/04/2018|

Unidades de Saúde de Piracicaba receberão melhorias na infraestrutura

31 unidades de saúde de Piracicaba receberão aparelhos para melhor compôr sua infraestrutura. Os recursos foram todos adquiridos pela Secretaria de Saúde por meio de emendas parlamentares.

Além de bebedouros, aparelhos de ar condicionado, balanças para bebês, mesas, armários, etc, serão distribuídos também eletrocardiógrafos. A distribuição dos aparelhos foi estabelecida com regra em critério de prioridade. Os eletrocardiógrafos serão distribuídos na segunda e terça-feira — dias 23 e 24, respectivamente –, e foram conquistados pelo município em 2017.

Foto: Divulgação.

Confira abaixo as unidades e suas respectivas datas de entrega.

Unidades — entrega oficial no CRAB Paulista, dia 23 de abril, às 13 horas.

USF Monte Líbano I
USF Tatuapé I
USF Itapuã II
CRAB Paulista
USF Tatuapé II
UBS Esplanada
USF Paineiras
USF São José

Unidades — entrega oficial na UBS Caxambu, dia 23 de abril, às 15 horas.

USF Astúrias
USF Primeiro de Maio
USF Serra Verde
USF Jardim Oriente
UBS Caxambu
USF Costa Rica

Unidades — entrega oficial na USF Cecap, dia 24 de abril, às 13 horas.

USF Eldorado 1
USF Cecap
USF Chapadão 1
USF Santa Rita vencas
UBS V. Independência
USF São Francisco
USF Chapadão II
USF Eldorado II

Unidades — entrega oficial na USF Parque Piracicaba, dia 24 de abril, às 15 horas.

UBS Algodoal
USF Boa Esperança
USF Bosques do Lenheiros I
USF Saúde em Campo
USF Parque Piracicaba
USF Santa Rosa II
USF Mário Dedini II

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 20/04/2018|

Campanha nacional de combate à gripe começa na segunda-feira (23)

Começa na segunda-feira, dia 23 de abril, a campanha nacional de vacinação contra a gripe influenza. Em Piracicaba, o lançamento será feito às 14 horas desse mesmo dia, no Lar Betel, com a vacinação dos idosos da unidade pelas equipes da Vigilância Epidemiológica (VE).

Foto: Arquivo.

Posteriormente, todas as 71 unidades da Atenção Básica estarão oferecendo a vacina de segunda a sexta-feira. Os Centros de Referência em Atenção Básica (CRAB) e as Unidades Básicas de Saúde (UBS) funcionarão das 08h às 15 horas; já as Unidades de Saúde da Família (USF) funcionarão das 08h às 16 horas.

No ano passado, estabeleceu-se grupos prioritários, a fim de otimizar o atendimento nos postos de saúde e diminuir as filas para a vacina. Neste ano, o processo será o mesmo: a partir de 23 de abril, trabalhadores da saúde, indígenas e pessoas com 60 anos ou mais poderão se vacinar. A partir de 02 de maio, poderão estar tomando a vacina crianças, gestantes e puérperas (mulheres no período de 45 dias após o parto). A partir de 09 de maio, pessoas com comorbidades, professores da rede pública e privada também poderão estar sendo imunizados.

Apesar da campanha de vacinação ter início na segunda, faz-se necessário também se atentar a alguns fatores. Vide abaixo.

Quem pode ser vacinado?

  • Crianças entre seis meses e cinco anos de idade;
  • Gestantes (em qualquer idade gestacional);
  • Puérperas (mulheres até 45 pós o parto);
  • Trabalhador de Saúde (serviços públicos e privados, nos diferentes níveis de complexidade);
  • Professores (todos de escolas públicas e privadas);
  • Povos indígenas;
  • Indivíduos com 60 anos de idade ou mais;
  • Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade, sob medidas socioeducativas;
  • População privada de liberdade e funcionários do sistema prisional;
  • Pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, independente da idade.

Quem não pode ser vacinado?

A vacina é contraindicada a pessoas com história de reação anafilática prévia em doses anteriores, bem como a qualquer componente da vacina.

O que devo fazer para me prevenir?

  • Proteja o nariz e a boca (cubra-os ao tossir e espirrar);
  • Se necessário, faça uso de lenços descartáveis;
  • Evite ficar passando a mão na boca e no nariz;
  • Lave as mãos com água e sabão regularmente — faça uso também de álcool gel 70%;
  • Faça a renovação do ambiente de sua residência ou local de trabalho, abrindo as janelas para o ar fresco entrar;
  • Evite ficar muito tempo em locais com grande aglomeração de pessoas;
  • Mantenha hábitos saudáveis, como boas refeições, boas noites de sono e exercícios físicos regulares.

Gripe

A gripe é uma doença respiratória causada pelo vírus influenza e sua transmissão se dá através do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. A transmissão pode acontecer também por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com a boca, olhos e nariz.

Os sintomas mais comuns da gripe são febre, dores no corpo e mal estar. Quem for acometido por algum desses sintomas, deve procurar um médico. Nunca se automedique.

A gripe pode matar e traz perigo a crianças, idosos e doentes crônicos.

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 18/04/2018|

Academia abre musculação gratuita para terceira idade, em Piracicaba

A academia de ginástica do Estádio Municipal Barão de Serra Negra, em Piracicaba, está com vagas abertas de musculação voltada a terceira idade. As vagas estão diretamente ligadas à Selam (Secretária Municipal de Esportes, Lazer e Atividades Motoras) e visa melhorar a qualidade de vida da população.

Foto: Selam (Secretária Municipal de Esportes, Lazer e Atividades Motoras).

Segundo Marcelo Ortega, professor da Selam, participar é muito simples. “Basta o interessado comparecer pessoalmente ao local com atestado médico e comprovante de residência”.

Segundo Ortega, a musculação na terceira idade, além de melhorar a qualidade de vida, minimiza os efeitos da perda de massa muscular e óssea.

As vagas são voltadas a todos os cidadãos com mais de 50 anos. A atividade funciona às segundas e quartas-feiras das 07h às 08 horas.

Academia

A academia situa-se à Rua Silva Jardim, esquina com Rua Moraes Barros — portão 03.

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 11/04/2018|

UBS Independência volta a fazer aplicação de vacina contra a febre amarela

A partir desta quarta-feira (11), a Unidade Básica de Saúde (UBS) Independência voltará a fazer aplicação de vacina contra febre amarela. Isso só tornou-se possível, visto que a UBS deixou de emitir o Certificado Internacional da Vacina, delegando essa tarefa ao Poupatempo Municipal. Antes, como a UBS fazia aplicação da vacina e emissão do certificado, o local ficava frequentemente sobrecarregado.

A UBS estará fazendo a aplicação da vacina de segunda a sexta-feira, das 08h à 11 horas.

Quem deve tomar a vacina contra Febre Amarela?

  • Pessoas que moram na área rural de Piracicaba ou se deslocam frequentemente a essas áreas;
  • Pessoas que viajarão a cidades presentes nas áreas endêmicas;
  • Pessoas que farão, nas próximas semanas, alguma viagem internacional a países que exigem a vacina (lembre-se que a vacina deve ser tomada até dez dias antes da viagem, que é o tempo necessário para a imunização).

Quem pode tomar a vacina?

  • Bebês, após os nove meses e pessoas até os 60 anos podem ser vacinadas;
  • Pessoas a partir dos 60 anos de idade com boa saúde, que não tenha sido vacinada e que precise viajar para uma zona de perigo (nesse caso, porém, faz-se necessário procurar um médico antes de qualquer decisão);
  • Crianças que foram vacinas contra sarampo, rubéola, caxumba ou catapora devem aguardar um período de 4 semanas para tomar a vacina contra a febre amarela, pois as doenças citadas acima são de vírus atenuados e vivos.

Quem não pode tomar a vacina?

  • A vacina é terminantemente proibida a bebês com menos de seis meses (assim, o único jeito de protegê-los é através de mosqueteiros e repelentes de tomada);
  • A vacina é proibida para gestantes e mulheres em fase de amamentação (em ambos os casos, a vacina só será permitida mediante liberação médica);
  • A vacina é proibida a pessoas que possuem imunossupressão causadas por doenças ou medicamentos;
  • A vacina é proibida a pessoas que possuem alergia à gelatina, proteína do ovo e o antibiótico eritromicina.

UBS Independência

Como a unidade voltou a aplicar a vacina, agora são 22 unidades em todo o município oferecendo esse tipo de serviço. Confira abaixo a lista de todos os postos de Piracicaba onde se pode tomar a vacina.

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região em tempo real? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 10/04/2018|

Poupatempo de Piracicaba começará a emitir o Certificado Internacional de Vacinação

Quem for viajar para o exterior e precisar do Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP), poderá estar fazendo a emissão do documento pelo Poupatempo Municipal, em Piracicaba. O documento já poderá estar sendo tirado no local a partir de segunda-feira (09), em dois horários: das 08h às 11h30 e das 13h às 16 horas.

A mudança foi feita para facilitar o serviço à população. Antes, havia a necessidade de se fazer a retirada do documento apenas na UBS (Unidade Básica de Saúde) Vila Independência, o que sobrecarregava o local.

Por isso, a fim de se evitar transtornos ao local, a UBS Independência não fará mais emissão deste documento a partir de segunda (09).

Certificado Internacional de Vacinação (CIVP)

O CIVP é um documento que comprova a vacinação contra doenças. O documento, de acordo com o Regulamento Sanitário Internacional, é obrigatório àqueles que viajarão a outros países.

Teoricamente, o CIVP tem a finalidade de provar que você está devidamente imune a algumas doenças (febre amarela, por exemplo), impossibilitando-o de levá-las a outros países e criando, por consequência, um possível surto.

A lista dos países que exigem o Certificado Internacional de Vacinação encontra-se disponível no site da Anvisa, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária, e pode ser conferida clicando aqui.

O documento é emitido com prioridade àqueles que já possuem viagem marcada.

Documentos Necessários

Para a emissão do documento, faz-se necessário a apresentação de RG, CPF, comprovante de endereço (o Poupatempo fará a emissão apenas de pessoas residentes na cidade de Piracicaba), comprovante de viagem ou voucher, e carteira de vacina com a dose registrada.

O pré-cadastro deve ser feito no próprio site da Anvisa, clicando aqui.

O Poupatempo Municipal está localizado no número 2056 da Avenida Armando Salles de Oliveira, região central de Piracicaba.

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região em tempo real? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 06/04/2018|

Áudio que viraliza em redes sociais não surgiu em Piracicaba

Está circulando pelo aplicativo WhatsApp desde semana passada, um áudio onde um padre alerta a população sobre um surto de gripe. Segundo ele, a epidemia de gripe aconteceria neste outono/inverno.

No áudio, o padre ainda comenta que entrou em contato com um amigo infectologista da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) onde, supostamente, esse infectologista teria confirmado a ele que o surto de H3N2 seria forte.

Como o jornal PIRANOT vem recebendo bastante mensagens de leitores, entramos em contato com a assessoria de imprensa da Santa Casa de Piracicaba para confirmar a veracidade da história. Em conversa com Nilma, ela nos confirmou que o áudio não saiu da Santa Casa daqui do município e que ela desconhece tal informação.

Nilma, a assessora da instituição, disse ainda que recebeu o áudio e que os nomes mencionados na gravação — Nilton Costa e Crespo — não são daqui de Piracicaba. Costa é secretário de saúde do município de Sorocaba; Crespo, o prefeito.

Entramos em contato também com Lucas, assessor de imprensa da Santa Casa de Sorocaba, e eles nos confirmou que o áudio realmente surgiu ali na cidade. Segundo ele, “esse áudio era para ter sido enviado apenas para um grupo do conselho [de médicos da Sta Casa de Sorocaba], mediante a preocupação do padre. Porém, o áudio vazou e tomou essa proporção”.

Lucas disse ainda que o conteúdo da gravação “não é um assunto irreal”, e que o povo precisa se cuidar. Ele comentou também que não sabe se o vírus do H3N2 pode chegar a Piracicaba.

H3N2

Influenza A subtipo H3N2, também conhecido como H3N2, é um subtipo de Influenzavirus A, e um dos vários subtipos de vírus que causa a influenza (gripe).

Como prevenir-se do H3N2?

Visto que trata-se de um vírus, é necessário que a população tome alguns cuidados. Entre eles:

  • Fazer uso de lenços descartáveis;
  • Evitar locais com grande aglomeração de pessoas;
  • Deixar os cômodos abertos, sempre que possível, para que o ar circule e para que o ar se renove;
  • Evitar o compartilhamento de objetos de uso pessoal, como talheres, copos, pratos, etc;
  • Jamais se automedicar.

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região em tempo real? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Por | 04/04/2018|
Carregar mais conteúdo