As 5 linguagens do amor: descubra qual a sua com seu parceiro

Conhecer as diferentes formas de comunicação do parceiro é um dos segredos para um casal bem-sucedido. Conheça as 5 linguagens do amor e use isso ao seu favor

- PUBLICIDADE -

Você já ouviu falar do livro As 5 Linguagens do Amor? Ele foi escrito pelo autor norte-americano Gary Chapman na década de 1990 e desde seu lançamento se tornou um best-seller, sendo traduzido para mais de 30 idiomas diferentes.

Uma foto das 5 linguagens do amor
Foto: Reprodução

Mas porque esse livro faz tanto sucesso? A resposta está no simples fato dele ajudar milhares de pessoas ao redor do mundo a melhorar suas relações, principalmente os casais.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

A linguagem permite às pessoas produzir, desenvolver e compreender diferentes formas de comunicação – não apenas usando a língua escrita ou falada, mas também por meio de manifestações artísticas como pintura e música.

No caso dos relacionamentos, Gary Chapman definiu o que chamou de As 5 Linguagens do Amor. Elas representam formas básicas com que cada um de nós expressa e entende esse sentimento.

Segundo o autor do livro, que também é pastor e conselheiro matrimonial, assim como o DNA é único, cada pessoa tem um jeito singular através do qual identifica, recebe e entrega amor.

Na prática, isso significa que você usa uma ou duas linguagens predominantes para expor seus sentimentos, mas as pessoas com quem você se relaciona podem usar outras formas diferentes de expressão.

Por isso, entender quais são as cinco linguagens do amor é importante para diminuir as falhas na comunicação, melhorar a qualidade de seus relacionamentos e aprender novos jeitos para transmitir o seu carinho.

Palavras de afirmação são uma forma de linguagem do amor

Neste tipo de linguagem, o amor é percebido por meio de palavras, elogios e afirmações positivas. É assim que o falante desse “idioma” se sente apreciado e, sobretudo, demonstra sua afeição.

A pessoa que pratica esse tipo de linguagem precisa ouvir e dizer, alto e bom som (ou em bilhetes, cartas e mensagens), frases que valorizem quem ela é e o que faz.

As palavras não precisam envolver, necessariamente, um contexto romântico. Agradecimentos, incentivos como “Tudo vai dar certo”, “Estou do seu lado”, e elogios como “Você é um excelente cozinheiro” e “Você é ótimo nisso” são sempre bem-vindos.

Depois que você descobrir que uma pessoa usa a linguagem do amor através das palavras de afirmação fica mais fácil estabelecer uma comunicação mais eficiente com seu parceiro.

Destaque qualidades e conquistas do companheiro ao invés de apontar falhar e fazer críticas. Utilize também sentenças diretas, objetivas e, claro, sinceras.

O idioma dos atos de fazer e ajudar

O nome dessa linguagem explica tudo: o mais relevante é ajudar nas tarefas e ser útil para o outro, sempre de forma genuína e generosa.

Em geral, o amor que gira em torno desta linguagem gira em torno de coisas simples e constantes como lavar a louça e levar o lixo para fora, por exemplo.

Ou então levar o carro para a oficina, preparar o almoço e preencher o formulário do imposto de renda.

Para que não usa essa forma de expressar seu carinho, essas atitudes podem acabar passando despercebidas ou até serem consideradas como “chatas”. E aí, por consequência, pode haver brigas e discussões.

O ideal é perceber se o seu parceiro aprecia atos de serviço e então, além de agradecer pelas ações recebidas, fazer a sua parte e demonstrar seu amor com pequenas tarefas.

A linguagem do toque físico

Abraços, beijos, carinhos, toques no braço, cafuné, andar de mão dadas, massagem e etc. Tudo isso é muito importante pra que domina essa linguagem do amor. O tato é, sem dúvida alguma, o maior sentido e age como um instrumento poderoso para expressar carinho.

Pessoas que possuem como característica essa linguagem no amor sentem e demonstram segurança, afeto e felicidade ao darem e receberem estas formas de afeto.

Linguagem dos gestos

Quando se trata das 5 linguagens do amor, é importante ressaltar que o valor não está na etiqueta, mas no significado do gesto. É por isso que, para quem gosta de presentes, nem sempre o item mais caro é o que trará a maior alegria.

É claro que você pode investir em um passeio de balão ou até mesmo em um carro. Mas coisas simples como um cartão, uma rosa fora de hora, um porta retrato com uma foto especial ou uma fatia do bolo preferido também são excelentes opções.

Produtos feitos com muito carinho e a mão são igualmente valorizados. Ou então uma peça que foi escolhida só porque fez com que você se lembrasse da pessoa. Isso prova para o companheiro que você dedicou tempo e esforço para deixá-lo feliz. A atitude deve envolver muito mais sentimento do que dinheiro.

A linguagem do amor que requer tempo de qualidade

Existem pessoas que precisam de palavras para se sentirem amadas, mas, por outro lado, há quem valorize a presença e atenção que recebe do parceiro.

Não importa se são apenas alguns minutos por dia, uma semana inteira, um dia todo, independente do tempo, o que vale é que a pessoa seja a prioridade. Em contrapartida, ela fará o mesmo por você.

O objetivo dessa linguagem do amor é a qualidade do tempo compartilhado e tem mais a ver com estar totalmente ligado ao momento junto de seu amor, se divertindo, ouvindo, perguntando, interagindo, participando, do que com a cabeça nas nuvens. Sem pressa, distrações e, principalmente, sem checar o celular o tempo todo.

Se você utiliza essa linguagem ou identificou que seu parceiro faz o uso dela, invista em atividades em conjunto e dedique a isso toda a sua atenção. Pode ser um simples passeio pelo parque, um piquenique na sala de casa, uma viagem ou apenas uma boa conversa deitados na cama.

Mas, apesar de ser difícil para você, evite se dispensar com a televisão, o computador ou bipes do seu celular. Dedique totalmente o seu tempo junto com o parceiro ao casal.

Qual a sua linguagem do amor?

Depois de conhecer as 5 linguagens do amor, você pode parar para analisar o seu parceiro e até mesmo seus comportamentos e descobrir quais linguagens estão presentes em seu relacionamento.

Isso com certeza te ajudará a compreender melhor as diferentes formas de comunicação, principalmente as não ditas, entre o casal. Vá fundo e use este conhecimento ao seu favor!

Informar Erro

- Continue depois do anúncio -

Via DCI
Leia também

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir