Mulher é presa tentando levar "maconha química" para marido no 'cadeião' de Piracicaba (SP)

Mulher é presa tentando levar “maconha química” para marido no ‘cadeião’ de Piracicaba (SP)

Uma mulher foi presa na manhã de hoje (16), ao tentar entrar com droga química conhecida como “4k”, que é uma espécie de maconha química – muito mais forte e viciante que a erva -, no CDP (Centro de Detenção Provisória de Piracicaba), que fica na pista que liga a cidade a Limeira (SP), popularmente conhecido como “cadeião”.

Foto: SAP

Segundo a SAP (Secretaria de Administração Penitenciária), a droga foi encontrada durante a revista junto ao equipamento de scanner corporal, onde a Agente de Segurança notou na imagem, que a mesma trazia consigo um volume estranho, na região do cós da sua calça, que se destinava ao seu companheiro.

A Polícia Militar foi acionada e a visitante fora conduzida ao Plantão Policial, acompanhada pelas servidoras da Unidade que realizaram a apreensão, para a lavratura do respectivo Boletim de Ocorrência.

Ainda segundo a SAP, também foi instaurado Procedimento Disciplinar para apurar a cumplicidade do preso que receberia o entorpecente. “Deve-se observar que visitas flagradas tentando adentrar com objetos ilícitos em unidades prisionais, ficam sujeitas a suspensão do Rol de visita de acordo com a legislação vigente.”, finaliza a nota enviada ao PIRANOT sobre o caso.

Siga-nos no Telegram e receba conteúdos exclusivos: t.me/portalpiranot

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também