Guarda Civil de 48 anos morre após ser agredido em Piracicaba (SP)

Guarda Civil de 48 anos morre após ser agredido em Piracicaba (SP)

Um Guarda Civil Municipal morreu no Hospital dos Fornecedores de Cana após dar entrada na unidade vítima de agressões físicas. De acordo com o Boletim de Ocorrência do caso, o crime foi na última segunda-feira (04), mas ele não resistiu aos ferimentos e morreu na sexta-feira (08). Ele foi identificado como André Ricardo dos Santos e tinha 48 anos.

Quem procurou a Polícia Civil para registrar a morte foi a filha do guarda, uma jovem de 23 anos que não reside em Piracicaba e ficou sabendo do ocorrido por meio de uma ligação telefônica do hospital. Conforme declarado por ela, a unidade de saúde informou que o pai havia dado entrada no local após sofrer agressões, não resistindo aos graves ferimentos e vindo a óbito.

O delegado requisitou exame necroscópico para a vítima fatal. O caso foi registrado como lesão corporal e morte suspeita e será investigado pela Polícia Civil.

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também