Piracicaba (SP) registra primeiro caso de raiva em morcego em 2022

Piracicaba (SP) registra primeiro caso de raiva em morcego em 2022

Equipe do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) registrou o primeiro caso de raiva em morcego em Piracicaba, em 2022. O resultado positivo foi confirmado pelo laboratório do CCZ-SP nesta sexta-feira (08).

O morcego estava morto e foi encontrado no bairro Parque Orlanda, no dia 4/04, na travessa Silvio Brusanti. O animal foi identificado como sendo de hábito insetívoro – se alimenta de insetos –, da espécie Nyctinomops laticaudatus.

Somente este ano, o CCZ já recolheu e enviou para diagnóstico da raiva 124 morcegos. No ano passado, ao todo, foram cerca de 350 animais recolhidos, com sete positivos para a doença e recolhidos nos bairros Colina Verde, Campestre, São Dimas, Santa Rosa, Vila Rezende, Água Branca e Morumbi. Em 2020 foram recolhidos cerca de 300 animais, com seis positivos para a doença, sendo dois recolhidos no Parque Orlanda, e os demais no Jupiá, Centro, Pau D’Alhinho e Vila Independência.

O CCZ alerta para que os tutores de cães e gatos, principalmente da região do Parque Orlanda, que não estejam com a vacina antirrábica em dia, sejam vacinados, já que ficam expostos à contaminação. A Secretaria de Saúde mantém a vacinação antirrábica para cães e gatos – contactantes com morcegos – em posto permanente na sede do CCZ (rua dos Mandis, s/n°, bairro Jupiá) de segunda a sexta-feira, das 9h às 15h, e aos sábados das 9h às 11h, durante o ano todo. Além disso, o CCZ está devidamente preparado para realizar ações de bloqueio necessárias em caso de surgimento de algum caso confirmado para a doença em animais, conforme preconiza orientações do Ministério da Saúde e Governo do Estado de São Paulo, o que não ocorre neste momento.

Segundo orienta o coordenador do CCZ, o médico veterinário Matheus Santos, é importante que a população procure o Centro para o recolhimento dos morcegos. “Prestamos o serviço que faz o recolhimento destes animais, além de oferecermos as orientações adequadas. Pedimos apenas que a população fique atenta na hora desta solicitação já que recentemente tivemos alguns casos de falsas notificações para recolhimento de morcegos”, salienta.

No caso de animais com contato com morcegos, a orientação é que a pessoa entre em contato com o CCZ pelo telefone 3427-2400.

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também