"Quem está contra Piracicaba não somos nós"; funcionário do Samu desabafa e denuncia precariedade

“Quem está contra Piracicaba não somos nós”; funcionário do Samu desabafa e denuncia precariedade

Um funcionário do Samu de Piracicaba (SP), fonte do PIRANOT, escreveu e desabafou dos problemas que ele e colegas têm enfrentado na saúde pública local nos últimos anos. Se referindo ao termo herói, dado aos profissionais de saúde que estavam na linha de frente do coronavírus, ele apela por apoio nas reinvindicações que farão os funcionários públicos municipais pararem amanhã na cidade.

Além do pedido de apoio, o trabalhador denuncia situações do seu dia a dia. Leia a carta na íntegra:

“Lembram daqueles funcionários que foram aplaudidos pela população quando a pandemia estava no pico? Então, são heróis lutando de frente contra o vírus. Esses mesmos funcionários ditos heróis por vocês população, hoje estão travando uma luta contra seu administrador, sim o seu prefeito, aquele que foi eleito pelo povo. O mesmo que hoje fala que não é imobiliária para dar casa. Então esse senhor se nega a nos dar a reposição inflacionária, não é aumento de salário, referente exatamente a essa época onde todos nos chamavam de heróis, onde muitos perderam a vida para o vírus.

E hoje, vocês também população que soube nos enxergar diante da batalha que travamos por vocês, em muitas vezes sem condições por causa dos equipamentos de péssima qualidade que nos eram oferecidos, precisamos que vejam a real situação. Três anos sem nem repor a inflação e mesmo assim estávamos firmes e fortes por vocês população, não julgue e sim nos apoie, pois quem está contra a população não somos nós, nós só queremos o mínimo que é a reposição salarial.

Veja na foto o reconhecimento por tudo o que fizemos e ainda fazemos por vocês população. Reposição INFLACIONÁRIA em três anos, ou seja, levaremos seis anos para repor o que não nos foi pago nos três anos de tanta luta contra a Covid. Será mesmo que isso é correto? População venha para nossa luta e vamos lutar pelo mínimo que o cidadão merece que é respeito porque nem isso o cidadão piracicabano tem mais”.

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também