Médica encontrada morta dentro de banheiro de pronto-socorro infartou, aponta laudo

Médica encontrada morta dentro de banheiro de pronto-socorro infartou, aponta laudo

O laudo, no entanto, ainda não foi suficiente para a Polícia Civil encerrar o caso

A causa da morte da médica de 30 anos encontrada sem vida dentro de um banheiro do Pronto-Socorro de Cubatão (SP) foi divulgada pela Polícia Civil. Segundo o laudo necroscópico, Ana Carolina Borges Gorga sofreu um infarto agudo do miocárdio e faleceu no local. As investigações continuam.

Foto: Divulgação

O encontro do corpo ocorreu durante o plantão da profissional no pronto-socorro, na madrugada do dia 24 de janeiro. Equipes da Polícia Civil foram acionadas para atenderem ao caso, que foi registrado como morte suspeita, devido à falta de informações sobre o que poderia ter acontecido.

O corpo dela foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Praia Grande, onde passou por exames. Conforme informações divulgadas pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) nesta quarta-feira (02), o laudo necroscópico ficou pronto e apontou um infarto agudo do miocárdio como causa da morte da médica.

O laudo, no entanto, ainda não foi suficiente para a Polícia Civil encerrar o caso. Segundo a corporação, as investigações continuam pelo 3º DP de Cubatão.

*** Com informações do G1.

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também