Bandido é preso após fazer selfie com celular roubado; fotos foram para e-mail da vítima

Bandido é preso após fazer selfie com celular roubado; fotos foram para e-mail da vítima

Vítima do roubo viu, entre as fotos, uma que dava para ver RG do acusado. Caso foi na Grande BH

Um ladrão de celulares acabou detido, um mês após o roubo, depois de cair em uma armadilha da tecnologia. Segundo a Guarda Municipal de Betim, na Grande BH, que pendeu o criminoso na tarde da última quinta-feira (27), ele roubou um celular, conseguiu acessar o aparelho mesmo sem a senha da vítima, mas não imaginava que as fotos e vídeos que ele fazia com o aparelho caíam direto no e-mail do dono do celular.

Foto: Reprodução/TV Globo

A vítima, que preferiu não ser identificada na reportagem, contou que, desde o roubo, que aconteceu no dia 1º de janeiro, não tinha acessado o e-mail nem entrado em aplicativos. Até que, na semana passada, fez um acesso e viu uma galeria de fotos feitas pelo homem que estava com seu aparelho. A vítima relatou que levou um susto.

Confissão do crime

Com os dados do criminoso em mãos, a vítima registrou um boletim de ocorrência e o indivíduo acabou sendo localizado pela Guarda Municipal da cidade. Uma das pistas ajudou muito, pois entre as fotos tiradas com o celular, havia um registro de agendamento de emissão de RG, com o nome do ladrão.

Com o indivíduo foram encontrados o celular, a correntinha da vítima, que também tinha sido roubada, além de carteira, dinheiro e a faca usada durante assalto. Ele confessou o crime.

A Guarda Municipal disse que ele já tinha pelo menos dez passagens pela polícia por crimes como roubo, lesão corporal e descumprimento da Lei Maria da Penha.

*** Com informações do G1.

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também