Garoto relata ereção de mais de 24h após vacina e infecção por Covid-19

Garoto relata ereção de mais de 24h após vacina e infecção por Covid-19

Em outro caso, idoso de 62 anos relatou quatro horas de ereção.

Um garoto de 12 anos teve ereção de mais de um dia após tomar uma dose de vacina contra Covid-19, segundo artigo, publicado na revista Urology.

Segundo médicos da Áustria, a condição já foi observada outras vezes em pacientes que, vacinados, foram contaminados, já que como adversidade, foram criados coágulos de sangue na região peniana.

Ainda segundo a publicação, o menino, que não foi identificado, foi levado ao hospital sentindo um grande incomodo no pênis. Chegando lá, os especialistas usaram uma agulha para perfurar o órgão e drenar um pouco do sangue, mas além de o procedimento ser muito dolorido, não funcionou. O paciente foi colocado sob anestesia geral para nova tentativa, que apresentou resultado temporários.

Para preservar o menor de idade, outros detalhes que o identifiquem foram ocultados.

Outro caso

Um homem, de 62 anos, que estava internado com coronavírus no Centro Hospitalar de Versailles, em Le Chesnay, França, teve um ereção de quatro horas por conta da doença. Isso porque, segundo os médicos, a Covid-19 tem causado coágulos nos pacientes, conforme detalharam na revista científica The American Journal of Emergency Medicine.

Segundo os especialistas, eles ainda estão confusos sobre o motivo dos pacientes com Covid-19 terem coágulos de sangue. Alguns dizem que o vírus está causando alguma alteração no sangue. Um outro pensamento afirma que a doença tem afetado o sistema imunológico, que forma coágulos, e eles passam por uma variedade de caminhos.

 

 

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também