Câmera filma adolescente jogando bebê vivo em lixeira e acaba presa

Câmera filma adolescente jogando bebê vivo em lixeira e acaba presa

Nos Estados Unidos, só é considerada adulta pessoas acima de 21 anos.

Uma jovem de 18 anos foi presa anteontem (11), após ser filmada jogando em uma lixeira pública do Estado do Novo México, nos Estados Unidos, um bebê recém-nascido. Ela alegou que só descobriu estar grávida um dia antes do parto.

Foto: Telemundo

Segundo a Telemundo, emissora americana destinada aos imigrantes latinos, a jovem alegou que fez o parto no banheiro de sua casa, enrolou o bebê, de sexo masculino, em um pano e foi até uma lixeira pública onde descartou o embrulho. Horas depois, catadores de lixo recicláveis ouviram um barulho e encontraram a vítima. Os serviços de emergência foram acionados.

Ainda segundo a emissora, o pai da criança desmentiu a jovem e pediu a guarda do bebê, o qual batizou de Saul. Ela passou ontem (12), por uma audiência com um juiz e foi liberada para responder ao crime em liberdade.

O caso gerou protestos no Estado, tendo em vista que há uma lei em vigor nesta região que garante a entrega anônima e segura de bebês recém nascidos em qualquer hospital e unidades do Corpo de Bombeiros onde quem faz a entrega não precisa dizer se quer uma palavra. Isso é um agravante neste caso, já que a jovem poderia ter dado o bebê, em vez de jogá-lo no lixo para a morte.

Veja os vídeos em Espanhol sobre este caso:

Especialistas falam da lei de entrega anônima:

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também