Síndico é acusado de agredir moradora em condomínio de Piracicaba (SP)

Síndico é acusado de agredir moradora em condomínio de Piracicaba (SP)

O condomínio fica na Avenida das Ondas, bairro Ondinhas

Uma mulher de 48 anos acusou o síndico do condomínio onde mora de agressão. O caso aconteceu na noite de ontem (03), na Avenida das Ondas, bairro Ondinhas, em Piracicaba (SP) e foi registrado como injúria e via de fatos pela Polícia Civil da cidade.

De acordo com o Boletim de Ocorrência do caso, a Polícia Militar foi acionada ao edifício e conduziu os envolvidos até a delegacia. Em conversa com o síndico do condomínio, ele relatou que havia agendado para conversar com uma moradora, momento em que a mulher que o acusou de agressão e que também é moradora, entrou na sala e o ofendeu com palavras de baixo calão. Ele contou ainda que se recusou a conversar com ela, e tentou conduzi-la para fora da sala, não a agredindo em nenhum momento.

Em contrapartida, a moradora afirmou na delegacia que o acusado foi destituído do cargo de síndico, no entanto ele insiste em continuar. Ela relatou também que foi até a sala dele na ocasião para pedir documentos do condomínio, e ao chegar no local, ele a ofendeu com palavras depreciativas. Em seguida, o síndico acertou seu dedo e a empurrou de forma bruta para fora da sala.

O caso foi registrado às 22h31 desta quarta-feira (03) e as partes ficaram cientificadas do prazo decadencial de seis meses para representar criminalmente.

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também