Homem internado na UTI, foge de hospital em Piracicaba (SP) sem receber alta médica

Homem internado na UTI, foge de hospital em Piracicaba (SP) sem receber alta médica

Ele foi internado após dar um ‘mata-leão’ na esposa e no filho e atentar contra a própria vida

O homem de 39 anos que deu um ‘mata-leão’ na família e depois tentou cometer suicídio, fugiu do Hospital Unimed na tarde de ontem (27), onde estava internado na UTI recebendo medicamentos.

Segundo o Boletim de Ocorrência do caso, ele deixou a unidade hospitalar sem ter recebido alta médica por volta das 15h40 desta quarta-feira. A enfermeira supervisora do hospital foi até a delegacia para registrar o ocorrido.

De acordo com ela, o homem deu entrada no hospital pela madrugada e permaneceu internado na UTI. Ontem, ele teria informado que fugiria e alertou ainda para que não tentassem impedi-lo, pois seria agressivo. O paciente então retirou o acesso do soro e deixou a UTI trajando apenas a camisola do hospital. A equipe de segurança da Unimed foi informada.

O filho dele relatou que o pai é agressivo, mas que não tem nenhum laudo oficial atestando problemas psiquiátricos.

O caso

Conforme já noticiamos, a briga com a esposa e o filho se deu após a mulher descobrir uma traição dele. Na data dos fatos, ela pediu para que ele apagasse os contatos da amante do celular, mas ele ficou irritado e se dirigiu até os objetos religiosos da família para quebrá-los.

O filho do casal tentou impedir o pai, mas foi agarrado no pescoço e sofreu um ‘mata-leão’. Na tentativa de proteger o filho, a mulher foi em direção ao marido, que largou o jovem e agarrou o pescoço da esposa.

Ainda de acordo com o Boletim de Ocorrência do caso, após a agressão, ele saiu de casa e momentos mais tarde enviou uma foto para o celular do filho e disse “nos vemos em outras vidas”.

A esposa o localizou através do rastreador do celular e verificou que ele estava no Horto de Tupi. Ela tentou ir a pé até lá, mas no caminho viu o carro dele sendo conduzido por guardas municipais e ele desmaiado no banco traseiro.

Ele foi socorrido e levado ao Hospital Unimed, onde foi internado na UTI, mas fugiu da unidade sem ter recebido alta médica.

O PIRANOT entrou em contato com o Hospital Unimed, mas não obtivemos retorno até esta sexta-feira (29).

Suicídio: onde buscar ajuda

Em Piracicaba, você pode buscar ajuda nos seguintes locais: Amb. de Saúde Mental Vila Cristina: (19) 3402-3028 3413-4285; CAPs Bela Vista: (19) 3432-9964 / 3433-0312; Ambulatório de Saúde Mental Vila Sônia: (19) 3415-3343; CAPs Infantojuvenil: (19) 3434-4732 e 3426-3808. Todos esses de segunda à sexta-feira, das 7h às 17h. O CVV (Centro de Valorização da Vida) também realiza apoio emocional e de prevenção do suicídio, e atende todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo, por telefone, chat e-mail, 24 horas por dia, todos os dias da semana. A ligação para o CVV, por meio do número 188, é gratuita a partir de qualquer telefone fixo ou celular.

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também