Piracicaba (SP): Polícia Civil prende acusado de matar topógrafo com requintes de crueldade em 2019

Piracicaba (SP): Polícia Civil prende acusado de matar topógrafo com requintes de crueldade em 2019

A prisão ocorreu nesta quarta-feira (16)

Policiais civis da 3ª Delegacia de Homicídios da DEIC (Divisão Especializada de Investigações Criminais) de Piracicaba (SP) prenderam um homem acusado de matar o topógrafo Osmir Nunes Santana, de 39 anos, no dia 08 de janeiro de 2019, na região de Santa Terezinha. A prisão ocorreu nesta quarta-feira (16).

Vítima Osmir Nunes Santana. Foto: Reprodução

O corpo de Osmir foi encontrado em um terreno baldio, parcialmente carbonizado, com uma das mãos cortada e com um disparo de calibre nove milímetros na cabeça. Na época, os policiais e o perito criminal encontraram uma cápsula deflagrada ao lado do corpo da vítima.

O acusado que teve o mandado de prisão preventiva decretado pela Vara da Júri de Piracicaba e foi localizado nesta quarta-feira em sua residência, no Parque Orlando 2. Ele nega a autoria do crime.

O acusado foi conduzido à sede da delegacia especializada, onde prestou depoimento. Depois, ele foi conduzido à carceragem e deverá ser transferido para alguma unidade prisional da região.

Acusado sendo preso pela DEIC. Foto: Divulgação/DEIC
Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também