Protetora de animais é ameaçada de morte em Piracicaba (SP)

Uma dentista e protetora de animais de 33 anos foi até a delegacia de Piracicaba (SP) para registrar um Boletim de Ocorrência (B.O) contra uma mulher que a difamou e a ameaçou de morte. As ameaças foram feitas através de conversa via SMS, que estão salvas no celular da vítima.

Segundo a protetora, ela doou duas gatas para a acusada, mas ela não castrou os animais e não oferece os devidos cuidados. Devido aos fatos, a vítima foi resgatar as gatas, e a atual tutora não deixou. Foi a partir desse ocorrido que a difamação e ameaças deram início.

Ela relatou ainda que a autora também a difamou para outra protetora de animais, a qual poderá testemunhar a respeito das mentiras ditas pela acusada. Ainda segundo o B.O, na tarde do último dia 22, a mãe da acusada foi até a casa da vítima, no bairro Nova Piracicaba, e gritou com ela enquanto a mesma entrava em um veículo de seu motorista particular, situação que a deixou constrangida.

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também