Parquímetros de Piracicaba terão preços reajustados a partir de segunda-feira (18)

Parquímetros de Piracicaba terão preços reajustados a partir de segunda-feira (18)

A partir da próxima segunda-feira (18), os parquímetros de Piracicaba terão seus valores reajustados. Os novos preços passam a ser de R$ 1,30 (para 30 minutos), R$ 2,10 (para 1 hora), R$ 2,35 (para 1 hora e 30 min) e R$ 2,65 (para 2 horas). Hoje, as tarifas são R$ 1,25, R$ 2, R$ 2,25 e R$ 2,50, respectivamente.

O último reajuste dos preços havia sido feito em 2018. Para atualizar os valores, a Prefeitura e a concessionária utilizaram o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) acumulado do período como parâmetro. Entretanto, foram acertados valores com variação de cinco centavos para facilitar o troco. Desta forma, na maior parte das tarifas, os preços ficaram abaixo do INPC.

Tabela de valores

Regularização

Para dar continuidade ao projeto de modernização tecnológica e operacional do estacionamento rotativo, a Estapar, em parceria com a Semuttran (Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte), também implementará, no dia 18, o sistema de supervisão por veículos de videomonitoramento.

Serão dois carros com cinco câmeras, GPS, leitor de placas e transmissão de dados via rede 4G que começarão a rodar pelas ruas da cidade com o objetivo de supervisionar o uso das vagas. Os dados, enviados para a central de monitoramento dos agentes de trânsito, vão auxiliar no gerenciamento do sistema. Esses veículos não farão autuações neste momento.

O sistema funciona da seguinte forma: Ao estacionar o seu veículo em área de Zona Azul, o motorista deve se dirigir a um parquímetro, no qual vai inserir a placa do veículo e pagar a quantia relativa ao tempo que ficará estacionado.

Se não efetuar o pagamento e receber o aviso de cobrança da tarifa, o motorista tem 10 minutos para retirar o tíquete para regularização. Se não o fizer neste período, precisará efetuar em até duas horas, em um parquímetro ou no aplicativo, o pagamento da taxa de R$ 6,35. Passado o prazo, a regularização só é feita na Central de Atendimento — na Rua XV de Novembro Nº 533, Centro do município. Neste caso, o valor passa para R$ 12,70 e precisa ser pago até as 18h do dia seguinte à primeira notificação.

A identificação dos veículos estacionados irregularmente é feita pelas funcionárias da Estapar, por meio de imagens enviadas para a central de trânsito. Avaliada a irregularidade, há a autuação. Se o motorista regularizou a situação no prazo citado acima, não há aplicação de multa.

As áreas onde funcionam a Zona Azul contam com placas sobre o seu funcionamento.

 

  • DINHEIRO DE VOLTA – Banco é obrigado a devolver taxas abusivas em contrato de financiamento de veículo quitado. Conheça os serviços da JUCA HELP!/PIRANOT, nova marca da Empresa Júnior Cardoso LTDA, clicando aqui.
Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também