Conecte-se conosco

Esporte

Casa do XV de Piracicaba há mais de 50 anos, Barão tem gramado revitalizado

Published

em

A Campanelli Gramados Esportivos e Áreas Verdes iniciou em novembro os trabalhos de revitalização do gramado do Estádio Barão de Serra Negra, sede do XV de Piracicaba. A princípio foi realizado o corte vertical, a descompactação do solo, a aeração mecânica, além de ajustes no sistema de irrigação e adubação mineral.

XV de Piracicaba

Foto: Dayanne Arthur.

“Manter um programa constante de revitalização é imprescindível para o bom desempenho do gramado, o que se reverte na beleza do campo, na saúde dos jogadores e nos custos com a manutenção do local. A Campanelli traz em sua bagagem mais de 40 anos de experiência na área, tendo como clientes importantes clubes e estádios do país. Além disso, trabalhamos com equipamentos modernos e contamos com uma equipe de profissionais capacitada tecnicamente e com muito amor pelo que faz”, ressaltou o diretor e fundador da empresa, o arquiteto paisagista Miguel Campanelli.

“Inaugurado há mais de 50 anos, o Estádio Municipal Barão da Serra Negra é um ícone de Piracicaba e um dos mais importantes estádios do interior do Brasil. Já foi palco de memoráveis jogos do XV de Piracicaba. Por esse gramado, passaram inúmeros craques que vestiram a camisa quinzista, mas também de outros grandes times. Por isso, é fundamental que ele seja bem cuidado recebendo uma manutenção periódica”, ressaltou o secretário de esportes de Piracicaba, Pedro Mello.

Para o vice-presidente do XV de Piracicaba, Matheus Bonassi Semmler, o campo será muito exigido no próximo ano, por isso, o cuidado com o gramado é imprescindível. “O XV completou no último dia 15 de novembro 105 anos com a eleição de uma nova diretoria e com a expectativa de um trabalho que dê ao clube o acesso à elite do futebol paulista. Para isso, o palco tem que estar em perfeitas condições”, disse, antes de completar.

“Os trabalhos que estão sendo realizados darão esta condição, não só na disputa do Paulistão A2, como em todas as competições que ocorrerão durante o ano. O XV, além do estadual, jogará a Copa Paulista e os campeonatos das categorias de formação, Sub-15, 17 e 20. A demanda por um bom gramado será grande. Portanto, profissionalismo, competência e carinho são sempre importantes e bem-vindos em nosso palco”.

A revitalização

Segundo o engenheiro agrônomo da Campanelli, Hélio Gondim, estão sendo feitas todas as etapas da revitalização e, até janeiro de 2019, os resultados serão sentidos pelos próprios atletas. “Antes de iniciar os trabalhos, fazemos um diagnóstico do gramado e apresentamos as medidas necessárias para ampliar o seu desempenho. No caso do Barão, várias etapas serão realizadas, entre elas, o corte vertical, a descompactação, a aeração, o top dressing e, por último, a adubação mineral e foliar”, explicou.

De acordo com ele, o corte vertical tem como objetivo eliminar o excesso de estolões, renovando a grama e aumentando a proporção de folhas do gramado. “Na descompactação, usamos um equipamento em que hastes sólidas penetram no solo e vibram a 75o, desagregando as partículas do solo sem comprometer a superfície do gramado. Na aeração mecânica, nosso equipamento utiliza hastes vazadas (ocas) que penetram no solo e retiram pequenas frações dele, com o objetivo de fazer a troca de material e melhorar a drenagem subsuperficial do campo, aumentando a circulação de ar, água e nutrientes até as raízes”, explanou o engenheiro.

O top dressing, segundo ele, é um processo em que se adiciona ao solo um material formado por areia, matéria orgânica, calcário e adubo. O objetivo é melhorar o nivelamento do gramado, renovar e melhorar a estrutura do solo e a drenagem, além de ajustar o pH do solo, aumentar a disponibilidade de nutrientes, reduzindo a incidência de doenças e pragas e protegendo a grama durante o inverno. Na fase final, são feitas as adubações mineral e foliar, usando formulações específicas para o tipo de solo do estádio.

O estádio

Desde a sua construção em 1965, o estádio é de responsabilidade da Prefeitura, por meio da Selam (Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Atividades Motoras), sendo sua administração conjunta com o Esporte Clube XV de Novembro. O clube o utiliza para suas práticas esportivas, contudo, pode cedê-lo a terceiros para realização de eventos, mediante prévio entendimento com o poder público.

A Selam, por sua vez, pode utilizar ou ceder o equipamento para a realização de eventos, sempre respeitando as atividades do clube. Recentemente, o contrato de concessão entre Prefeitura e XV foi renovado até 2028. A licitação para definir a empresa responsável pela revitalização e manutenção do gramado ocorreu em setembro. A Campanelli iniciou as obras no dia 1º de novembro deste ano. O contrato tem validade por 12 meses, podendo ser prorrogado por até cinco anos.

Advertisement
Clique para comentar

Qual sua opinião?

O seu endereço de e-mail não será publicado.

MAIS LIDAS

error: Este conteúdo está protegido por direitos autorais.