Conecte-se conosco

Notícias

Vereador de Piracicaba sugere refletores contra pombos na praça José Bonifácio

Rafael Fioravanti

Published

em

O parlamentar André Bandeira, da Câmara de Vereadores de Piracicaba, sugeriu ao Executivo a instalação de refletores para espantar os pombos da Praça José Bonifácio, no coração central do município. A indicação é a 2324/2018.

Foto: Assessoria.

De acordo com Bandeira, diversos moradores e comerciantes da área central o têm procurado em seu gabinete para que esse problema seja resolvido. A instalação dos refletores, no caso, é uma ideia deles.

As pombas podem até parecer animais inofensivos, contudo há de se ter cuidado com elas. O risco de contrair doenças é alto. A Criptococose é a mais conhecida doença transmitida por pombos, responsável por atacar o pulmão e sistema nervoso da vítima. Ela é transmitida por meio da inalação de fungos contidos nas fezes deste animal.

Além da Criptococose, os pombos também são responsáveis pela transmissão de histoplasmose, doença que ataca os órgãos internos de pessoas e animais; a Salmonelose, conhecida por causar diarreia e dores abdominais; e dermatites, responsável em provocar coceiras, infecções e alergias do sistema respiratório.

Para que todas essas doenças transmitidas sejam evitadas, manter os pombos longe de áreas urbanas é fundamental. São várias formas de mantê-los afastados: a primeira é evitando alimentá-los com restos de comida, como muitas pessoas, principalmente idosos, costumam fazer todas as manhãs na Praça José Bonifácio; a segunda forma de mantê-los afastados se dá através de refletores ou telas passarinheiras em vãos de telhados.

Outras iniciativas

Não é de hoje que os vereadores de Piracicaba lutam e apresentam, na Câmara, propostas para a revitalização da Praça José Bonifácio. O parlamentar Lair Braga também apresentou, no dia 31 de julho, propostas de revitalização do espaço, conforme o Jornal PIRANOT noticiou na época.

Lair Braga conta que a Praça José Bonifácio, um dos maiores símbolos da área central do município, vem se degradando desde a década de 80, por isso acabou sugerindo a criação de um Fórum Permanente em defesa do local. “Não abro mão da reforma, ela tem que ser ampla, pois é uma questão social, ambiental, de segurança e de saúde pública, que envolve várias secretarias e necessita do empenho das entidades”, comentou Lair Braga.

No caso, o Fórum servirá para que a sociedade se manifeste sobre suas vontades acerca da praça e, neste sentido, o vereador aposta na contribuição dos segmentos do poder público, de órgãos como a Guarda Civil e o Ipplap (Instituto de Pesquisas e Planejamento de Piracicaba) e as secretarias de Obras (Semob) e de Defesa do Meio Ambiente (Sedema). Ele também acredita na soma de esforços da Polícia Militar, Acipi (Associação Comercial e Industrial de Piracicaba), OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), ESALQ (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz), entre outras entidades.

Ao povo, resta apenas esperar que iniciativas sejam tomadas. E depressa.

Rafael é formado em jornalismo pela Universidade Mackenzie, em São Paulo. Possui experiência em redações e editoras literárias. Integra a equipe do jornal PIRANOT desde dezembro de 2017.

Advertisement
Clique para comentar

Qual sua opinião?

O seu endereço de e-mail não será publicado.

MAIS LIDAS

error: Este conteúdo está protegido por direitos autorais.